in

Transex crucificada já gastou R$ 40 mil em transformação

 

Viviany Beleboni aos 18 anos e atualmente (Foto: Arquivo Pessoal)
Viviany Beleboni aos 18 anos e atualmente (Foto: Arquivo Pessoal)

Viviany Beleboni, 26 anos, a transex crucificada na parada gay, resolveu divulgar fotos suas aos 18 anos, seis anos antes de se tornar transexual, para rebater as críticas que tem recebido nas redes sociais. “Muitas pessoas, principalmente mulheres, têm me chamado de homem, me tratando no masculino querendo me ofender. Então quis divulgar essas fotos para dizer que tenho orgulho de ser uma transexual não operada e que não adianta essas pessoas me agredirem porque sei quem sou e tenho orgulho de quem sou”, declarou Viviane.

As fotos de Vivi que ilustram esta reportagem são de quando ela tinha entre 18 e 19 anos, pouco depois de ser expulsa de casa pelos pais. “Eu fazia shows na noite vestida de drag queen para me sustentar e comecei a me travestir (se vestir como mulher) aos poucos. Coloquei peito e bumbum de silicone e fui fazendo a mudança aos poucos”, diz Vivi.

A transexualidade refere-se à condição do indivíduo com uma identidade de gênero diferente da designada ao nascimento, tendo o sujeito o desejo de viver e ser aceito como sendo do sexo oposto. Essa “mudança na cabeça”, como define Vivi, só aconteceu para ela aos 24 anos. Viviany já gastou quase R$ 40 mil com intevenções cirúrgicas que incluem silicone nos seios e no bumbum, rinoplastia, feminilização facial (“como a da Ariadna”) e aplicações de PMMA e metacrilato para preenchimento facial. “Não sei quantas cirurgias tenho, mas já gastei quase 40 mil”, diz ela.
Foto de capa: Reprodução / João Castellano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Hemoba em Bonfim terá novo horário

Vão começar inscrições do Sisutec