in

26,3% das cidades baianas estão sem planos de educação

Salvador estoura prazo. Foto: forquilha.ce.gov.br.
Salvador estoura prazo. Foto: forquilha.ce.gov.br.
Salvador estoura prazo. Foto: forquilha.ce.gov.br.

Exatos 110 municípios baianos (26,3% das 417 cidades) não sancionaram os Planos Municipais de Educação (PMEs) no prazo encerrado na última quinta-feira (25/6), determinado pelo Ministério da Educação (MEC). O principal objetivo dos PMEs é planejar o sistema educacional de cada ente federado para os próximos dez anos e otimizar o repasse de verbas.

Sem deixar claro se há punição para quem não concluiu, o MEC informou que o prazo não será prorrogado e que as prefeituras devem finalizar os planos obedecendo à Lei Federal 13.005. De acordo com o determinado, os planejamentos deveriam ser feitos em oito etapas e com ampla participação da sociedade. Salvador está entre os que estouraram o prazo. Segundo o jornal A Tarde, o secretário municipal da Educação, Guilherme Bellintani, informou que o documento-base já foi elaborado e está em fase de revisão.

Com informações do jornal A Tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

PF prende um por pedofilia em Salvador

Tocha está prevista para chegar à tarde em Salvador