Cerca de 4 mil brasileiros morrem por causa do câncer bucal

Foto: reprodução

A data 08 de abril é marcada pelo Dia Mundial do Combate ao Câncer. E um dos tipos dessa doença que está se tornando frequente em todo mundo, incluindo o Brasil, é o câncer bucal.

De acordo com dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer), a doença na cavidade bucal está entre os 10 tipos mais frequentes: são 14 mil novos casos por ano, levando 4 mil brasileiros a óbito.

“Ocupamos a 3ª maior incidência de câncer bucal do mundo e os números indicam que 83% dos homens com câncer de cabeça e pescoço – incluindo-se o bucal – são fumantes ou ex-fumantes”, comenta Dr. Valdomiro Marques Junior, odontologista diretor do Centro de Odontologia Preventiva Avançada EllEVEN.

Entre os pacientes tratados, 60% têm tumores localizados na boca e 40% na faringe ou laringe. Só na região Sudeste, a estimativa é de 5.920 novos casos no sexo masculino, representando a quarta maior incidência de câncer. Já no estado de São Paulo o número é alarmante, com registro de mais de 3 mil novos casos a cada ano.

Diagnóstico Precoce: visitas periódicas ao dentista podem salvar vidas, assim como a realização do checkup preventivo digital, exame feito com uma câmera intraoral, que aumenta em 60 vezes o tamanho dos dentes e tecidos moles (gengiva, língua, bochechas, lábios e mucosas), permitindo ao profissional uma visualização de lesões em estágio inicial, o que propicia uma intervenção rápida e precoce do tratamento.

“Detectadas em fase inicial, as neoplasias têm de 80% a 90% de chances de cura. Evitar cigarro e álcool também é uma medida que contribui diretamente para a saúde bucal”, explica Dr. Valdomiro.

Os principais sinais de um câncer bucal são aftas persistentes por mais de duas semanas, manchas brancas ou vermelhas espontâneas e nódulos que começam como caroços pequenos e devem ser avaliados com urgência.

É importante manter atenção às medidas de prevenção:
– Evitar bebidas alcoólicas
– Evitar a associação de bebida alcoólica e cigarro
– Procurar ajuda para parar de fumar
– Fazer uma boa higiene bucal
– Manter dentes e próteses sempre em bom estado
– Evitar exposição ao sol ou usar protetor labial
– Fazer sexo oral com proteção (camisinha)
– Preferir alimentação saudável
– Visitar o dentista regularmente
– Fazer o check-up preventivo digital

Unit´