Empresa de ônibus São João tem 3 dias para pagar dívida com banco Mercedes-Benz

Caso o débito não seja pago no prazo determinado pela Justiça, a empresa São João deverá nomear bens à penhora. (Foto: Reprodução)

A empresa de ônibus São João, que atua no transporte de passageiros em Feira de Santana, tem o prazo de três dias para pagar parcela vencida junto ao banco Mercedes-Benz do Brasil S/A. A determinação é do juiz da 4ª Vara Cível, Adriano Vieira de Almeida. De acordo com o magistrado, caso o débito não seja pago no prazo determinado pela Justiça, a empresa São João deverá nomear bens à penhora.

O juiz Adriano Vieira de Almeida determinou, ainda, que não sendo encontrados os executados (sócios da empresa de ônibus São João), o oficial de Justiça deverá arrestar bens suficientes à garantia da execução.

CONTRATO

O valor cobrado pelo banco Mercedes-Benz, na ação de execução de título extrajudicial (nº 0516601-70.2017.8.05.0080), é de R$ 137.075,36, correspondente a parcelas de um contrato de crédito de capital de giro pré-fixado contraído junto à instituição financeira.

De acordo o banco Mercedes-Benz, o valor financiado pela empresa de ônibus São João é de R$ 184 mil, divido em 45 parcelas fixas no valor de R$ 6.011,10. O contrato foi firmado em 15 de dezembro de 2015.

O banco alega que a empresa São João está inadimplente desde a parcela vencida em 15 de outubro de 2017. O saldo atualizado da dívida é de R$ 137.075,36.

A empresa de ônibus São João está em processo de recuperação judicial. A ação tramita na 2ª Vara Cível, desde outubro do ano passado. O número do processo é 0513460-43.2017.8.05.0080.

O site Olá Bahia não conseguiu contato com nenhum dos sócios da empresa de ônibus São João para comentar a decisão publicada no Diário Oficial do Poder Judiciário, nesta terça-feira (15).

Unit´