Justiça condena farmácia Pague Menos após cliente ser filmada em sanitário

O site Olá Bahia teve acesso ao processo e ao relato de Marakele Nascimento Santos e Santos (Foto: Reprodução / Rora da Informação)

Uma cliente da farmácia Pague Menos vai receber uma indenização no valor de R$ 8 mil, após ser filmada por um funcionário do estabelecimento enquanto usava o sanitário. A ação foi movida contra a farmácia por Marakele Nascimento Santos e Santos, em 2009, mas só agora foi julgada. Ela mora no conjunto Feira X, em Feira de Santana.

Marakele Nascimento contou na ação que em junho de 2009 esteve na farmácia para comprar um absorvente. No interior da Pague Menos ela precisou usar o sanitário, mas só conseguiu a permissão após ser vistoriada por um funcionário, identificado como Iuri Alberto de Jesus Nascimento. Já dentro do sanitário, Marakele Nascimento percebeu que estava sendo filmada, através de um celular, deixado no local pelo funcionário da Pague Menos.

PRIVACIDADE

O site Olá Bahia teve acesso ao processo e ao relato de Marakele Nascimento Santos e Santos. Ela lembrou, em depoimento, que saiu do local desesperada e acionou a Polícia Militar. Um policial esteve na farmácia e confirmou o conteúdo da gravação. O aparelho celular foi apreendido. A defesa da farmácia Pague Menos alegou que o caso não repercutiu na esfera moral de Marakele Nascimento, uma vez que a filmagem apenas mostrava o rosto delas e suas mãos. A sentença do juiz Antônio de Pádua de Alencar foi publicada no último dia 7 de junho. Ele levou em consideração o constrangimento causado a Marakele Nascimento. O site Olá Bahia não conseguiu ouvir nenhum dos envolvidos no caso.

Unit´