Em coletiva, presidente da Fifa declara: “Foi a melhor Copa do Mundo da história”

                                 Presidente da Fifa, Gianni Infantino. Foto: Getty Images.

A Copa do Mundo da Rússia está chegando ao final. Neste sábado (14), às 11h (horário de Brasília), Inglaterra e Bélgica disputam o terceiro lugar do torneio e no domingo (15), 12h (horário de Brasília), França e Croácia decidem o título do maior torneio de futebol mundial.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, concedeu entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (13), em Moscou, para fazer um balanço sobre a primeira Copa do Mundo na Rússia.

“Uma Copa do Mundo fantástica, incrível. Quero levar ao mundo a excitação e a paixão que sentimos desde o começo desta Copa do Mundo. Há alguns anos, eu pensava que esta seria a melhor Copa do Mundo da história. Hoje eu posso dizer isso com mais convicção. Foi a melhor Copa do Mundo da História – disse o mandatário, agradecendo técnicos, jogadores e torcida”, afirma o presidente da Fifa.

Infantino também comentou sobre a mudança que houve em relação ao futebol dentro do país russo. Para ele, a partir de agora a Rússia será um país de futebol.

“A Rússia mudou. A Rússia virou um país do futebol, um país onde o futebol não é apenas onde a Copa foi organizada, mas que abraçou o futebol. O desempenho do time da Rússia ajudou, claro. Mas graças a todo o trabalho feito, infraestrutura, estádios, tudo foi eficiente. E o legado desta Copa do Mundo vai deixar a Rússia no topo do futebol mundial. O que foi construído aqui é para o futuro e há planos concretos para o futuro. A Fifa vai trabalhar com a Federação de futebol da Rússia para que o futebol continue a viver aqui”, pontua o presidente da Fifa.

Do Galáticos Online.

Unit´