in ,

Municípios baianos são contemplados por índices de vulnerabilidade

De acordo com o sindicato, o retorno dos médicos do setor ao trabalho não significa que os atendimentos serão regularizados (Foto Ilustração)

Aproximadamente 140 municípios baianos estão entre as 790 cidades brasileiros listadas com altos índices de vulnerabilidade pelo Ministério da Saúde e contempladas pelo novo edital do programa Mais Médicos, publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (13).

Segundo a pasta, serão oferecidas cerca de 2 mil vagas para os profissionais do Mais Médicos atenderem as populações de áreas historicamente com maiores dificuldades de acesso, a exemplo das ribeirinhas, fluviais, quilombolas e indígenas, e que dependem do atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Os médicos devem começar a atuar na Atenção Primária desses municípios a partir de junho.

As cidades da Bahia que serão contempladas foram classificadas como “Extrema pobreza” e “Áreas Vulneráveis”. Esta nova etapa corresponde ao 18º Ciclo do programa, que, nesta primeira fase, vai priorizar a participação de médicos formados e habilitados, com registro em qualquer Conselho Regional de Medicina do Brasil.

O Ministério da Saúde informou que, a fim de garantir a imparcialidade na escolha dos médicos com CRM Brasil, a pasta estabeleceu critérios de classificação, como títulos de Especialista e/ou Residência Médica em Medicina da Família e Comunidade. A medida visa também garantir profissionais qualificados, preferencialmente com perfil de atendimento para a Atenção Primária.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0

Comentários

0 Comentários

Powered by Facebook Comments

Eleitores são convocados para nova fase da biometria

Claudia Leitte posta foto em que aparece de biquíni e recebendo beijos de filhos na barriga