in

Prática de ballet depois dos 30 anos vem crescendo no Brasil

Foto: Arquivo Pessoal (Professora Manuela Oliveira/Academia Earte)

 

Foto: Arquivo Pessoal (Professora Manuela Oliveira/Academia Earte)

Começar no Ballet depois dos 30? Achou estranho? Nós último anos a prática principalmente entre mulheres tem crescido no Brasil, porém vem ganhando força desde 2008, o ballet aos poucos está deixando de ser uma atividade apenas para as crianças, muitas mulheres tem procurado como forma de relaxar e exercitar o corpo.

A professora e bailarina Manuela Oliveira explica que “muitas mulheres tem o sonho do ballet, mais por falta de oportunidade não aproveitaram na infância, e hoje procuram as aulas como atividade física,  trabalhar o corpo de diversas formas e principalmente para aliviar o estresse do dia a dia”.

O tabu em relação aos homens ainda é muito forte,  porém , os homens também procuram as aulas. A principal diferença das aulas é o modo de abordagem, no infantil os passos são apresentados de forma mais lúdica, já para os adultos trabalha o condicionamento físico também.

Filha e mãe em apresentação. Foto: Arquivo Pessoal (Manuela Oliveira/ Academia Earte)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Caixa reduz juros dos financiamentos imobiliários

Após corte de Neymar, Tite tem até a véspera da Copa América para convocar substituto