in

Prefeitura de Feira suspende licitação para PSF que custaria R$ 88 milhões

A licitação para escolha de empresa especializada para atuar no Programa de Saúde da Família (PSF), de Feira de Santana, foi suspensa pela Prefeitura Municipal. O certame deveria ocorrer na próxima segunda-feira (29).

A suspensão da licitação está publicada na edição desta sexta-feira (26), no Diário Oficial do Município. A contratação dessa empresa tem valor estimado em amis de R$ 88 milhões (R$ 88.365.023,13).

A publicação, que determina a suspensão da licitação, não apresenta nenhuma justificativa para a medida. Apensas informa a suspensão da concorrência pública 028/2019.

O edital, antes publicado no site da Prefeitura, prevê a contratação de 1.325 profissionais de saúde, de diferentes áreas. Nesse contrato está previsto a contratação de médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, além de assistente administrativo, serviços gerais, entre outros.

COOFSAUDE

Esses profissionais deverão atuar tanto na sede quanto na zona rural de Feira de Santana. O edital informa que essas pessoas irão trabalhar em 120 unidades de saúde, sendo 95 na área urbana e outras 25 na zona rural.

O site Olá Bahia apurou que a contratação dessa nova empresa visa a substituição de cooperativas que prestavam este tipo de serviço. Uma delas seria a Coofsaude, que teve seus contratos reincididos pela Prefeitura.

A Coofsaude é alvo de investigação do Ministério Público. O MP denunciou 11 pessoas da cooperativa por crimes de organização criminosa, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. O esquema foi desarticulado pela “Operação Pityocampa”, realizada em dezembro do ano passado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Luciano Huck mostra Benício de volta ao mar após acidente

Modelo brasileira com síndrome de Down é capa de revista australiana