in ,

Previdência Municipal de Feira registra superávit de mais de R$ 3 milhões em 2018

O Instituto de Previdência de Feira de Santana (IPFS) registrou superávit de R$ 3.173.067,15, no exercício de 2018. O dado consta no relatório do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), referente à prestação anual de contas do instituto.

De acordo com o TCM, a receita prevista para o ano de 2018 foi de R$ 103.877.357,00. Nesse mesmo período o IPFS arrecadou o equivalente a R$ 118.654.198,06.

O relatório do conselheiro do TCM, José Alfredo Rocha Dias, apresenta as despesas executadas no período em análise. Foi gasto pelo IPFS o valor de R$ 115.481.130,91, criando um superávit de mais de R$ 3 milhões.

MULTA
Apesar do superávit, o conselheiro do TCM, José Alfredo Rocha Dias, impôs ressalvas às contas do Instituto de Previdência. O voto apresenta faltas e irregularidades apontadas pela equipe técnica do Tribunal.

tcm previdência

O conselheiro do TCM também aplicou multa ao presidente do Instituto de Previdência de Feira de Santana, o ex-vereador Alcione Cedraz. O valor da multa é de R$ 1 mil e de ser recolhida aos cofres do município com recursos pessoais.

José Alfredo Rocha também determinou que as deliberações do TCM sejam encaminhadas ao prefeito, Colbert Martins. O site Olá Bahia não conseguiu conversar com o presidente do IPFS, o ex-vereador Alcione Cedraz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Polícia indicia Najila por extorsão, fraude processual e denúncia caluniosa

Funcionários dos Correios entram em greve por tempo indeterminado