in

Uso de app espião para vigiar parceiro cresce no Brasil

O que é stalkerware? 'App espião' de parceiros gera polêmica — Foto: Divulgação/Kaspersky Lab

Ataques de espionagem aumentaram em 228% no país e preocupam usuários

Stalkerware, como indica o termo em inglês, é um aplicativo que rastreia todas as atividades realizadas no aparelho de uma vítima específica e repassa as informações ao stalker, que pode ser um parente controlador ou um parceiro ciumento. Silenciosos e, portanto, mais difíceis de serem detectados, os ataques de stalkerwares têm crescido no Brasil: segundo relatório da empresa de cibersegurança Kaspersky, as tentativas de espionagem aumentaram em 228% no último ano.

Embora grande parte dessas aplicações seja comercializada em lojas não oficiais e fóruns online, existem exceções. Só em julho, mais de 130 mil pessoas foram vítimas de sete apps espiões que conseguiram driblar os mecanismos de segurança da Google Play Store. A seguir, entenda o que é stalkerware e saiba como se proteger desses softwares invasivos.

O que é stalkerware?

Stalkerwares são softwares projetados para monitorar a vida de um alvo específico. Instaladas sem o consentimento da vítima, essas aplicações são capazes de rastrear informações como localização do aparelho, histórico de navegação, mensagens SMS e conversas em redes sociais. Alguns deles podem, inclusive, gravar vídeos ou áudios.

Embora os stalkerwares possam ser usados para diversos fins, o que inclui roubo de credenciais e informações bancárias, tem crescido a oferta dos chamados “spousewares“, aplicativos usados por parceiros ciumentos que querem espionar a vida do cônjuge ou namorado. Ainda que claramente antiéticos, esses softwares não são de todo ilegais em alguns países e satisfazem a curiosidade dos stalkers por um preço relativamente baixo.

Não é à toa que os adeptos desses apps espiões têm crescido ao redor do mundo. De acordo com um levantamento da Kaspersky, só nos primeiros oito meses de 2019, mais de 37 mil pessoas descobriram esse tipo de software em seus celulares. O número representa um salto de 35% em relação a 2018.

Fonte: Tech Tudo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Começa hoje o penúltimo lote de saque do FGTS

Jogo contra o Avaí faz o Flamengo bater recorde de invencibilidade