in ,

Ludmilla se torna a primeira mulher negra latina a bater 1 bilhão de streams

A cantora surgiu com os cabelos castanhos, longos e encaracolados em foto postada no Instagram. (Foto: reprodução / Instagram)

A cantora Ludmilla bateu 1 bilhão de streams em suas músicas no Spotify, nesta quarta-feira, 2, se tornando a primeira mulher negra latina a conquistar o número. Seus hits vão desde o funk até o pagode.

Nessa manhã de hoje, ao anunciar a nova marca, a artista fez questão de relembrar todo percurso da carreira, enaltecendo a força da representatividade por trás da conquista.

“Só posso agradecer meu fãs porque são eles que me impulsionam e me fazem ser cada dia melhor. Fico honrada de ser ouvida e emocionada em saber que uma mulher com as minhas características: negra e do subúrbio, chegou em lugares que nunca pensou porque sim, somos possíveis”, disse a cantora de 25 anos.

“Quando comecei a cantar, aos 15 anos, fazendo shows em cima de cadeiras, porque não tinha palco para me apresentar, jamais poderia imaginar que eu teria milhões de visualizações, muito menos que chegaria a um bilhão. Pra uma mulher preta, que veio da baixada, isso é muito. E saber que sou a primeira negra latina a fazer isso só me impulsiona e me lembra que, sim, somos possíveis e cada vez mais estamos sendo mais e mais possíveis.”, agradeceu no Instagram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Espetáculo “730 Anos da UC: 73 harpas no Mondego” celebra  história da Universidade de Coimbra

Prefeitura de Feira de Santana suspende licitação de transporte de professores para zona rural; valor do contrato é de R$ 6 milhões