Foto: Eloi Corrêa/GOVBA

Foto: Eloi Corrêa/GOVBA

O Bazar Social realizado no Palácio da Aclamação, na Avenida Sete de Setembro, em Salvador, foi encerrado por volta das 18h desta segunda-feira (3). Mais de duas mil pessoas aproveitaram os descontos de pelo menos 50% na compra de produtos importados apreendidos pela Receita Federal. A arrecadação superou a marca de R$ 240 mil. Todo o dinheiro arrecadado será direcionado às obras sociais mantidas pelas Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA).

No sábado (1°), primeiro dia do evento, mais de mil pessoas compareceram à abertura do Bazar. A organização reconheceu que não havia condições de dar ao atendimento do público e suspendeu o evento por recomendação da Polícia Militar, visando garantir a segurança e o bem estar do público. No domingo (2), as ofertas foram reabertas, e a distribuição de senhas e utilização de gradis na organização da fila garantiu a tranquilidade dos consumidores, que voltaram a comparecer em grande número.

Entre os diversos produtos importados disponibilizados, a população teve acesso a eletrônicos, roupas, brinquedos, acessórios e artigos de cama e mesa, entre outros.

O vice-prefeito de São Gonçalo dos Campos, Flávio Barrêto Falcão, e o deputado federal Fernando Torres (PSD), encontraram o secretário Josias Gomes, titular da Secretaria de Relações Institucionais (Serin) da Bahia, para reivindicar novas obras para o município.

O vice-prefeito solicitou o apoio de Josias Gomes no atendimento do pleito da retomada das obras do ginásio de esportes do Colégio Polivalente, localizado no centro da cidade, e a conclusão da obra de pavimentação de 600 metros com paralelepípedos da Avenida Arthur Magalhães.

“Também solicitei a ampliação em 3 mil metros da rede de abastecimento de água que vai da Fazenda Candeal até a BR-101, e o recapeamento asfáltico de 800 metros da BA-501, que liga São Gonçalo até Conceição da Feira, informou o vice-prefeito de São Gonçalo dos Campos.

“Viemos em comitiva reivindicar essas demandas importantes para o município e estamos esperançosos que com o apoio de Josias Gomes nossos pleitos serão atendidos pelo Estado”, complementou o deputado federal Fernando Torres.

Também participaram do encontro no gabinete da Serin, o ex-vice-prefeito – e provável candidato à Prefeitura ­- Carlos Germano, o vice-presidente Antonio Saturnino, o “Satu”, e o secretário do partido, Vitoriano Francisco Neto.

O juiz federal Sérgio Moro determinou nesta terça-feira (3) o bloqueio de até R$ 20 milhões nas contas do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, e outros sete investigados na 17ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada nesta manhã. O bloqueio é preventivo e não significa que o valor está depositado nas contas dos investigados.

A decisão também atinge as contas do irmão do ex-ministro, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, e da empresa JD consultoria, que era controlada por Dirceu. Ambos foram presos na operação. A medida tem objetivo de garantir ressarcimento aos cofres públicos, no caso de eventual condenação.

De acordo com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, Dirceu foi o criador e beneficiário do esquema de corrupção na Petrobras, investigado pela Lava Jato. Segundo os investigadores, Dirceu, na época em que era ministro da Casa Civil no governo Lula, nomeou Renato Duque para Diretoria de Serviços da estatal, quando foi iniciado o esquema de superfaturamento de contratos na estatal.

A defesa de Dirceu informou que irá se manifestar somente após ter acesso aos documentos que motivaram a prisão.  Antes de ser preso, a Justiça Federal rejeitou dois pedidos de habeas corpus preventivo do ex-ministro. Na ocasião, o advogado Roberto Podval, que representa Dirceu, afirmou que a eventual prisão de seu cliente  não se justificaria, pois ele está colaborando desde o momento em que passou a ser investigado na Lava Jato. A defesa alega que o ex-ministro é alvo de uma “sanha persecutória”.

Fazer com que as empresas que dispõem de atendimento telefônico 0800 recebam chamadas feitas através de telefone celular. Este é um Projeto de Lei apresentado pelo deputado estadual Carlos Geilson, na Assembleia Legislativa da Bahia.

Criado para ser um serviço gratuito, atualmente a ligação para um 0800 não tem sido mais uma facilidade, já que sua ligação, na maioria dos casos, só é permitida a partir de um telefone fixo.

A Lei proposta por Geilson pretende trazer de volta a facilidade oferecida pelo serviço de ligação 0800 uma vez que o crescente número aquisitivo de aparelhos celulares pré e pós-pagos, e a redução do número de orelhões e linhas fixas nas residências é uma realidade vivida não só na Bahia, mas em todo país.

“Com a liberação das chamadas do 0800 para telefoneis móveis seria evitado muitos transtornos e problemas parar os usuários deste serviço, pois em casos de emergência ou viagens os mesmos acabam ficando impedidos de tal direito, já que as chamadas não são permitidas por telefones móveis”, frisou Geilson.

De acordo com o parlamentar, com a diminuição dos telefones fixos e dos orelhões utilizar os serviços disponibilizados através do 0800, fica cada dia mais difícil, diminuindo assim a própria aplicabilidade do mesmo”, diz o autor do projeto.

Se aprovado, o Poder Público e as concessionárias terão um prazo de 120 dias para adequação às novas regras impostas após a publicação da Lei.

Mostra “Bahia é África Também” fica aberta ao público de 4 de agosto a 25 de outubro, no Palacete das Artes. Foto: Reprodução/Secult

Mostra “Bahia é África Também” fica aberta ao público de 4 de agosto a 25 de outubro, no Palacete das Artes. Foto: Reprodução/Secult

Tronos, máscaras de rituais, estatuetas, esculturas, instrumentos musicais e utensílios que caracterizam a riqueza e a diversidade da produção cultural africana do século XX. Os objetos compõem a mostra “Bahia é África Também”, que estará aberta ao público a partir desta terça-feira (4), no Palacete das Artes, em Salvador.

“O potencial histórico documental e educativo desta coleção permite subsidiar pesquisas no campo das artes, história social, econômica e cultural dos povos africanos, assim como a realização de ações socioculturais e educativas de caráter afirmativo”, diz a museóloga Ana Liberato.

Mostra fica aberta ao público de 4 de agosto a 25 de outubro.

A BA-052, conhecida como Estrada do Feijão, que liga a BR 116 (Feira de Santana) a BR 161 (Xique-Xique), está em fase de análise. A privatização deverá criar no mínimo dois pedágios. Os planos podem ser concretizados via Programa de Restauração e Manutenção de Rodovias (Premar II), do governo do estado. A iniciativa terá US$ 520 milhões, recursos do Banco Mundial e do Banco Europeu, para serem gastos em toda malha baiana rodoviária. A previsão é a recuperação de quatro mil quilômetros, parte dessa soma aplicada na BA-052. Segundo a Coluna Farol Econômico, do Correio, até o momento, estudo iniciais indicam que o processo deverá ser apenas de natureza administrativa, onde o governo contratará uma empresa para manter a rodovia por um prazo de dez anos. (Informações/ Site Jornal da Chapada)

40 pessoas estavam na propriedade no momento da abordagem policial. Foto: L12 Notícias

40 pessoas estavam na propriedade no momento da abordagem policial. Foto: L12 Notícias

Acusadas envolvimento em uma rinha de galo, vinte e cinco pessoas foram detidas na cidade de Livramento de Nossa Senhora, região Centro-Sul da Bahia, na tarde deste domingo (2).

Conforme informações da delegacia local, o grupo foi surpreendido pela polícia militar após uma denúncia anônima.  Ao todo, cerca de 40 pessoas estavam na propriedade, que fica na zona rural, no momento da abordagem policial.

De acordo com o proprietário da casa, as gaiolas onde as aves ficavam presas foram construídas há quase dois anos. Foto: L12 Notícias

De acordo com o proprietário da casa, as gaiolas onde as aves ficavam presas foram construídas há quase dois anos. Foto: L12 Notícias

Edmundo Pessoa Coelho, dono da propriedade e responsável pela rinha, também foi detido. Em depoimento, ele falou que as gaiolas onde as aves ficavam presas foram construídas há quase dois anos e que, ao menos três vezes, recebeu rinhas em sua propriedade.

Os detidos foram liberados no domingo, mas obrigados a para prestar depoimento nesta segunda-feira (3). A pena para este tipo de crime é de três meses a um ano de detenção. 59 aves, entre galos e galinhas, foram apreendidas e ficarão à disposição da Justiça para que sejam adotadas as devidas providências.

Par de sandálias possuem 1.310 diamantes. Foto: Reprodução/ATL Pop

Par de sandálias possuem 1.310 diamantes. Foto: Reprodução/ATL Pop

As sandálias que Beyoncé usará em seu próximo clipe custa aproximadamente R$ 1,06 milhão e foi produzida especialmente para a cantora.

De acordo com informações da Billboard Brasil, o par de saltos foi confeccionado à mão na House of Borgezie – marca de acessórios de luxo especializada em customização com joias. A música do novo clipe ainda não foi divulgada, mas as gravações estão agendadas para este ano.

Conforme a Billboard Brasil, as sandálias possuem 1.310 diamantes – um total de 65,5 quilates – com garantia vitalícia.

MPF acredita que Dirceu é um dos líderes dos esquema de corrupção na Petrobras. Foto: Igo Estrela/Obrito News/Fato Online

MPF acredita que Dirceu é um dos líderes dos esquema de corrupção na Petrobras. Foto: Igo Estrela/Obrito News/Fato Online

O ex-ministro José Dirceu, preso preventivamente nesta segunda-feira (3), na 17ª fase da Operação Lava Jato é apontado, pela Polícia Federal (PF) e pelo Ministério Público Federal (MPF), como criador e beneficiário do esquema de corrupção na Petrobras.

Segundo os investigadores, Dirceu, na época em que era ministro da Casa Civil, no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nomeou Renato Duque para Diretoria de Serviços da estatal, onde foi iniciado o esquema de superfaturamento de contratos da Petrobras. “É evidente que José Dirceu tem um papel importante na indicação de pessoas para a Petrobras. Creio que chegamos a um dos líderes principais, que instituiu o esquema Petrobras e que, durante o período como ministro, aceitou que o esquema existisse e se beneficiou do esquema também”, disse o procurador federal Carlos Fernando Lima.

Segundo ele, Dirceu recebia pagamentos do esquema desde a época em que foi ministro. “José Dirceu foi beneficiário. Queremos mostrar que ele e Fernando Moura [outro preso hoje] foram os agentes responsáveis pela instituição do esquema Petrobras desde o tempo do governo Lula. Desde aquela época [da Casa Civil], passando pelo mensalão, pela condenação [pelo Supremo Tribunal Federal], pelo período em que ele ficou na prisão. Sempre com pagamentos. Esses são os motivos com os quais estão baseadas a prisão”, explicou Fernando Lima.

Ao lado de Dirceu, Fernando Moura é apontado pela força-tarefa da Lava Jato como um dos principais “líderes” do esquema de corrupção. Foi ele quem levou o nome de Renato Duque a José Dirceu. Segundo o delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paula, a 17ª fase da Lava Jato tem como “essência” a corrupção. Ela abrange, além das empreiteiras já investigadas, empresas de prestação de serviços de limpeza e informática para a Petrobras.

O delegado federal Marco Antonio Ancelmo afirmou que em todo o período de investigação da força-tarefa da Lava Jato, a empresa JD consultoria, de José Dirceu, não comprovou efetivamente a prestação de serviços, apesar da apresentação de notas fiscais emitidas como justificativa para pagamentos feitos por empreiteiras com contratos com a Petrobras.

“A empresa JD consultoria era, praticamente, uma central de pixulecos [termo usado pelos envolvidos no esquema em referência ao pagamento de propina]. Por todo tempo que essa investigação funcionou, não há uma comprovação que essa empresa tenha efetivamente prestado o serviço”, disse o delegado. “Mesmo com todo tempo e todas as notas que foram divulgadas acerca da JD, não ficou comprovado nenhum serviço prestado pela empresa”. A 17ª Fase da Operação Lava Jato é denominada Pixuleco, em alusão ao termo.

*Agência Brasil

O Pelourinho vai contar com nova proposta de circulação de veículos e 60 vagas de Zona Azul, daqui a aproximadamente 45 dias. A iniciativa da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) faz parte do projeto Pelourinho Dia e Noite, da Prefeitura, com o objetivo de revitalizar o Centro Histórico.

As ruas João de Deus, Portas do Carmo e Gregório de Matos terão sentido único nas vias. A João de Deus e a Gregório de Matos seguirão para o Largo do Pelourinho. E a Rua das Portas do Carmo seguirá do Largo, sentido Terreiro de Jesus. O acesso será liberado para táxis do município de Salvador e para vans de turismo cadastradas pelo Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). Os demais veículos terão o acesso restrito, controlado por fiscalização eletrônica.

A sinalização de trânsito também terá novo layout, implantado apenas para as placas do Pelourinho. Todo o local estará sinalizado com placas de orientação sobre paradas de táxi, fiscalização eletrônica, carga e descarga, estacionamento exclusivo para idosos e portadores de necessidades especiais e vagas de Zona Azul, dentre outras. Serão 60 vagas de Zona Azul, distribuídas nas ruas do Bispo, Inácio Acciole e Frei Vicente, além do Terreiro de Jesus.

Unit´