Foto: EBC

Nesta sexta-feira (18), mais de 4,1 milhões de estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado terão acesso às notas das provas. O resultado será divulgado na internet, na Página do Participante, e no aplicativo oficial do Enem.

Os participantes terão acesso a quanto obtiveram em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação. A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos, será divulgada apenas em março, 60 dias depois dos demais participantes.


LEIA MAIS

A Justiça de Goiás negou, nesta terça-feira (15), o pedido de habeas corpus feito pela defesa do médium João de Deus, preso e denunciado por crimes sexuais durante tratamentos espirituais. Com a decisão, o médium continua no Núcleo de Custódia do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, onde está preso há 30 dias.

O juiz substituto Sival Guerra Pires, um dos cinco julgadores e que havia pedido vista para analisar o processo, emitiu parecer contrário à liberdade do médium. Essa posição já era a mesma sustentada pelo Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) e pelos outros quatro desembargadores que integram a corte.

Em seu voto, Pires ponderou os argumentos da defesa, de que João de Deus tem a saúde debilitada e que está com os bens bloqueados, o que poderia motivar uma medida alternativa à prisão. No entanto, sustentou que pelo “contexto de gravidade” dos elementos probatórios, os quais indicam uma grande quantidade de crimes e durante muito tempo, sua posição era a de manter João de Deus preso.
Foi a segunda reunião da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) para analisar o caso. Nesta sessão não houve sustentação oral das partes. A promotora Gabriella Clementino e um advogado do escritório Alberto Toron, defensor do médium, que não quis citar seu nome, acompanharam a sessão, mas nenhum falou com a imprensa.

As unidades móveis da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) atendem até a próxima sexta-feira (18), em três pontos extras. Em Salvador, o Hemóvel atende na entrada do Shopping Ponto Alto. Em Feira de Santana, o atendimento é realizado na sede do Núcleo Regional de Saúde. Já em Lauro de Freitas, a unidade fica no estacionamento do Restaurante D’Meg.

Em janeiro, devido à baixa de aproximadamente 20% nas doações, o banco de sangue da Hemoba está operando com a classificação de crítica e alerta, com uma redução mais acentuada entre os tipos sanguíneos de Rh negativo.

Os interessados em doar sangue e reverter esse quadro devem ter entre 16 e 69 anos de idade, sendo que os menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal. Pessoas com mais de 60 anos somente poderão doar caso já tenham realizado alguma doação antes dos 60 anos.

Além disso, é obrigatório estar em boas condições de saúde, ter mais de 50 quilos e apresentar documento oficial com foto. O candidato também deve estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas), alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação), sem ingerir bebida alcoólica nas 12 horas antecedentes à doação e sem fumar por pelo menos 2 horas.

Nos dias de atendimento, os Hemóveis precisam interromper as atividades por uma hora para alimentação da equipe — o horário da pausa pode variar de acordo com o fluxo de doadores. O cadastro de doadores será encerrado assim que completar a capacidade máxima de atendimento diário. Mais informações podem ser obtidas do site da Hemoba ou nas páginas oficiais da fundação no Facebook e no Instagram (@hemobaoficial).

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta terça-feira (15), em cerimônia no Palácio do Planalto, um decreto que facilita a posse de armas de fogo. (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta terça-feira (15), em cerimônia no Palácio do Planalto, um decreto que facilita a posse de armas de fogo. O direito à posse é a autorização para manter uma arma de fogo em casa ou no local de trabalho (desde que o dono da arma seja o responsável legal pelo estabelecimento). Para andar com a arma na rua, é preciso ter direito ao porte, cujas regras são mais rigorosas e não foram tratadas no decreto.

O texto do decreto permite aos cidadãos residentes em área urbana ou rural manter arma de fogo em casa, desde que cumpridos os requisitos de “efetiva necessidade”, a serem examinados pela Polícia Federal .

Cumpridos os requisitos, o cidadão poderá ter até quatro armas, limite que pode ser ultrapassado em casos específicos. O decreto também prevê que o prazo de validade do registro da arma, hoje de cinco anos, passará para dez anos.

“Todo e qualquer cidadão e cidadã, em qualquer lugar do país, por conta desse dispositivo, tem o direito de ir até uma delegacia de Polícia Federal, levar os seus documentos, pedir autorização, adquirir a arma e poder ter a respectiva posse“, declarou o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

A Polícia Federal decidirá se autoriza ou não a concessão da posse.

 

*G1

A produção do Rock in Rio 2019 anunciou na última segunda-feira (14) que os ingressos destinados ao público geral começam a ser vendidos no dia 11 de abril, a partir das 19h. A compra pode ser feita pelo site oficial do festival, que acontece nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 3, 4, 5 e 6 de outubro, no Parque Olímpico, na Zona Oeste do Rio. Os preços ainda não foram divulgados. O primeiro lote do Rock in Rio Card, ingresso antecipado para o festival de 2019, esgotou em menos de duas horas.

A edição deste ano terá a estreia do Rota 85, espaço dedicado ao ano de estreia do evento. O cenário será inspirado na Rota 66, que cruza oito estados americanos, e terá borracharia, um bar com itens que relembram os 34 anos do festival, um posto de gasolina e outros atrativos. A tradicional capela do Rock in Rio, onde são realizados casamentos, estará localizada neste espaço.
Confira as atrações já anunciadas no festival em 2019:
27 de setembro — Palco Sunset: Seal;
29 de setembro — Palco Sunset: Jessie J;
4 de outubro — Iron Maiden, Scorpions, Megadeth e Sepultura;
                         Palco Sunset: Slayer e Anthrax;
5 de outubro — P!nk, Black Eyed Peas e Anitta;
                         Palco Sunset: Charlie Puth
6 de outubro — Muse, Imagine Dragons, Nickelback e Os Paralamas do Sucesso

“Se o partido indicar, eu vou ser. Só nesta condição. Não posso inverter”, disse Renan (Foto: Ed Ferreira/AE)

Pré-candidato a presidente do Senado, Renan Calheiros (MDB-AL) afirmou que ajudará o governo Jair Bolsonaro a aprovar a proposta de reforma da Previdência Social. “Se eu for [eleito presidente do Senado], eu quero ajudar. Já conversei com [o ministro da Economia] Paulo Guedes, uma noite inteira, e falei que quero ajudar na aprovação da reforma da Previdência. Combinei de, quando eu voltar a Brasília, na outra semana, voltarmos a falar”, afirmou.

Segundo Renan, ainda não está definido que o MDB terá candidato a presidente da Casa. A definição, acrescentou, só deve sair no dia 1º de fevereiro. Além do nome dele, também aparecem os de Simone Tebet (MS) e de Eduardo Braga (AM). “O MDB sempre faz assim, é democrático. O que já está combinado é que, seja quem for, vamos unidos”, disse o senador.

Questionado se tem vontade de ser candidato, respondeu: “Se o partido indicar, eu vou ser. Só nesta condição. Não posso inverter”. Renan disse que “muita gente” quer ajudar na pauta econômica – e ele é uma dessas pessoas. (G1)

As inscrições para concorrer ao cargo de Rei Momo do carnaval de 2019, em Salvador, começam nesta terça-feira (15) e seguem até o dia 20 de janeiro. A primeira seletiva será no dia 8 de fevereiro e a final no dia 16 do mesmo mês. Os interessados podem se inscrever na sede do Conselho Municipal do Carnaval (Comcar), localizada na Rua Humberto de Campos, no bairro da Graça. Para participar do concurso é necessário peso de no mínimo 100kg, altura mínima de 1,60m, idade entre 18 e 60 anos, ser brasileiro e ter no mínimo 2º grau completo.

O Rei Momo, este ano, terá dois guardiões. Os candidatos que ficarem em segundo e terceiro lugar vão ocupar o posto de “braço direito” da autoridade da folia baiana. De acordo com o coordenador do concurso e membro do Conselho do Carnaval, Reginaldo Santos, os dois guardiões terão papel importante ao lado do Momo. “Eles vão ter papel de importância, porque muitas vezes o rei está exausto e precisa de ajuda nos eventos. É desgastante do ponto de vista de quem participa, de ter as obrigações do carnaval”, explicou.

Foto: Ufba

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) mantém aberto, até o dia 23 de janeiro de 2019, o processo seletivo que reserva vagas de graduação para quilombolas, imigrantes ou refugiados em situação de vulnerabilidade, indígenas aldeados e pessoas transgênero (travestis e transexuais). Ao todo, estão sendo disponibilizadas 352 oportunidades em 88 cursos da instituição, ministrados nas modalidades Curso de Progressão Linear (CPL) – de categoria tradicional, podendo ser licenciatura, bacharelado ou formação profissional -, Curso Superior de Tecnologia (CST) – formação de três anos, mais voltada à preparação para setores da economia – e Bacharelado Interdisciplinar (BI) – instrução de cunho humanístico, científico e artístico.

Segundo as regras determinadas pela universidade, para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter prestado a prova do Exame Nacional do Ensino Médio 2018. Para candidatos imigrantes ou refugiados que tenham cursado o nível em outro país, dispensa-se a exigência.


LEIA MAIS

Foto: Reprodução

Uma mulher de 36 anos e o filho de 4 anos morreram na noite desta segunda-feira, 14, após o caminhão em que estavam capotar no KM-397, da BR-101, na cidade de Gandú (a 296 quilômetros de Salvador).

Conforme informações do site Augusto Urgente, o veículo estava sendo conduzido pelo marido e pai de Emanuelly Passos, identificado como Giosvaldo Silva, de 41 anos, quando um dos pneus estourou e o automóvel capotou na sequência. O caminhoneiro sofreu apenas escoriações leves.


LEIA MAIS

Assinatura de protocolo de intenções com a finalidade de constituir o consórcio público interfederativo de saúde da região de Salvador, com sede em São Francisco do Conde (Foto: Fernando Vivas/GOVBA)

Um protocolo de intenções entre o Governo do Estado e seis prefeituras baianas foi assinado na tarde desta segunda-feira (14), no Salão de Atos da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. O documento institui o Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Salvador, com sede em São Francisco do Conde, que figura como o 20º formado no estado.

Com a assinatura, formaliza-se também a instalação de uma Policlínica Regional de Saúde. Fazem parte do consórcio os municípios de Candeias, São Francisco do Conde, Saubara, São Sebastião do Passé, Madre de Deus e Santo Amaro, que, juntos, somam quase 300 mil habitantes.


LEIA MAIS

Unit´