Acontece hoje a Internacional Estrada Real de Mountain bike

DD8AF413-E842-44B4-8150-B83EE3C922EB

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Nesta terça-feira (13) acontece a Internacional Estrada Real, organizada pela Avelar Sports. O evento promete reunir os maiores nomes do mountain bike cross-country olímpico em uma competição de altíssimo nível, com formato voltado totalmente para a televisão, contando pontuação UCI XCO Classe 1.

As competições terão transmissão ao vivo pela Band Sports, e pelo canal Pra Quem Pedala, a partir das 13h30min. O local terá acesso restrito apenas para participantes.

“Nosso objetivo, mais uma vez, é manter a chama do mountain biking profissional acesa no Brasil, mesmo nesse período que estamos passando. Para isso, contamos com o apoio de nossos patrocinadores e apoiadores, mas também em um formato pensado em oferecer uma grande transmissão ao vivo. Afinal, atualmente, essa é a melhor maneira de aproximar o público do esporte”, comentou Felipe Avelar, fundador da Avelar Sports.

Transmissão ao vivo e pista de alto nível

Mais uma vez, a prova será realizada no Chácara Bike Park, em Mina Gerais, em uma pista com cerca de 4 quilômetros de extensão, montada especialmente para a ocasião. Nela, os maiores nomes das elites masculina e feminina do MTB XCO vão bater guidão em um trajeto de alto nível, contando com duras subidas, saltos, curvas com apoio e diversos obstáculos naturais e artificiais.

“A pista montada no Chácara Bike Park mais uma vez promete ser uma das estrelas do show. Ela oferece um nível de dificuldade elevado, além de obstáculos dignos de uma etapa da Copa do Mundo de cross-country. Com isso, queremos levantar a régua do esporte no Brasil, oferecendo condições para nossos atletas competirem de igual para igual contra os melhores do mundo”, complementou Avelar.

Henrique Avancini, competidor brasileiro, que havia feito a opção de não disputar duas etapas da copa do mundo, para poder se dedicar aos treinos, visando a sua participação nas olimpíadas, vai estar presente no evento e declarou essa semana em suas redes sociais: “passei boas semanas entocado. O trabalho foi muito bem feito e finalizo a minha preparação com uma competição antes de viajar para Tóquio”.

Outro brasileiro que estará na disputa de hoje é o baiano Ulan Galinski, que no início de julho ficou em segundo lugar da última etapa de 2020, resultado que fez de Ulan campeão da copa 2020, consagrando-se o primeiro nordestino da história a ser campeão da copa internacional.