NOTICIÁRIO POLICIAL

Acusado do assassinato de médico presta novo depoimento e polícia apura novas informações; ouça o delegado

Após se recusar a falar ao ser apresentado no Complexo de Delegacias do bairro Sobradinho, o médico Geraldo Feitas Júnior prestou novo depoimento na tarde desta quarta-feira (2) e foi ouvido pelo coordenador regional de Polícia Civil (Coorpin), delegado Roberto Leal e colegas da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Geraldo é acusado da morte do também médico Andrade Santana Lopes, 32 anos, atingido por um tiro na nuca e que teve o corpo jogado no rio Jacuipe, amarrado a uma âncora.
Em entrevista ao repórter Denivaldo Costa, o delegado Leal informou que o novo depoimento durou cerca de 7 horas e o acusado esclareceu alguns fatos que serão chegados em novas diligências. Ainda de acordo com o delegado, a polícia já periciou a âncora, recolheu armas pertencentes ao acusado, também para serem periciadas e está tentando recuperar o celular que foi encontrado junto ao corpo da vítima.
Durante a entrevista, Roberto Leal também deu detalhes sobre o exercício da profissão de médico, tanto do acusado, como da vítima. Ouça os detalhes na entrevista

 
O corpo do médico psiquiatra Andrade Santana Lopes, 32 anos, foi localizado, na manhã de sexta-feira (28/5), na Fazenda Xavante,em São Gonçalo dos Campos, na região metropolitana de Feira de Santana. O corpo foi encontrado boiando no Rio Jacuípe, com uma perfuração provocada por arma de fogo na nuca e amarrado a uma âncora.
Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagens reprodução.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+

VOCÊ REPORTER | FALE CONOSCO | ANUNCIE CONOSCO