Alunos ocupam colégio por falta de professores em Guaratinga

Jovens também afirmam que está faltando vigilante na unidade de ensino. Foto: Reprodução/TV Bahia.
Jovens também afirmam que está faltando vigilante na unidade de ensino. Foto: Reprodução/TV Bahia.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Jovens também afirmam que está faltando vigilante na unidade de ensino. Foto: Reprodução/TV Bahia.
Jovens também afirmam que está faltando vigilante na unidade de ensino. Foto: Reprodução/TV Bahia.

Cerca de 100 alunos ocupam desde quarta-feira (27) a Escola Estadual Jesus Moura, localizada no município de Guaratinga. Os jovens reclamam da falta de professor para as disciplinas de química e matemática paras as turmas do 3º ano.

Os estudantes também afirmam que está faltando vigilante para a unidade de ensino e que as quatro merendeiras que ainda prestam serviço na escola estão com salários atrasados. Os alunos levaram colchões e cobertores para as salas da instituição e protestam usando faixas e cartazes.

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Educação (SecBA) informou que já foi autorizada a contratação de um novo professor de química para o colégio, mas negou a falta de professores de outras disciplinas. Com relação ao atraso no pagamento dos terceirizados, apontado pelos estudantes, o órgão informou que já depositou os salários nas contas dos funcionários.

Já sobre a reclamação dos jovens com relação à falta de vigilantes, a SecBA disse que já assinou contrato com as novas empresas prestadoras de serviços e que, agora, cabe a essas empresas assinar as carteiras de trabalho com a orientação para que sejam aproveitados os trabalhadores que já atuam nas escolas.

Do G1.