Baiana Amanda Nunes pede duelo contra Ronda

Baiana comemorou a vitória sobre a americana Sara McMann (Foto: Divulgação/UFC)
Baiana comemorou a vitória sobre a americana Sara McMann (Foto: Divulgação/UFC)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Baiana comemorou a vitória sobre a americana Sara McMann (Foto: Divulgação/UFC)
Baiana comemorou a vitória sobre a americana Sara McMann (Foto: Divulgação/UFC)

A baiana Amanda Nunes finalizou, na madrugada de ontem (9), a americana Sara McMann com um belo mata-leão, aos 2m53s do primeiro round, e conquistou o resultado mais expressivo de sua carreira no MMA, no UFC Nashville. Em sétimo lugar no ranking oficial, Amanda derrotou a quarta colocada e, com isso, está ainda mais perto de desafiar a também americana Ronda Rousey. “Estou pronta, sou uma leoa. Sei que a Ronda tem uma luta pelo caminho, mas estou aí, de repente posso ser a próxima”, disse a baiana logo após o combate.
Amanda Nunes, que entrou para a luta ao som da música Nova Paradinha, da banda Harmonia do Samba, não deu chances a adversária. O susto só veio na tentativa de um chute rodado, que não deu certo. A baiana escorregou e deu chances para McMann, que não aproveitou. Na sequência, Amanda partiu para a trocação e acertou uma boa sequência, levando a rival a knockdown. Encaixou o mata-leão e fez a festa.