Bebê é abandonada pela família em hospital

unnamed

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Internada há 104 dias no setor pediátrico da Santa Casa de Campo Grande, um bebê de um ano e quatro meses luta para sobreviver, devido a uma cardiopatia congênita e o abandono da família. No dia 20 de dezembro, a mãe da criança, que é de nacionalidade boliviana, viajou para ver os demais filhos em Corumbá (MS), a 426 quilômetros de Campo Grande, e não retornou ou buscou saber sobre o estado de saúde da filha, assim como nenhum outro familiar.

Uma fonte que preferiu não se identificar, explicou que o caso será tratado como abandono de incapaz, e após a alta hospitalar, a criança deverá ser encaminhada a um abrigo em Corumbá (MS). A Santa Casa não informou o estado de saúde da menina, mas destacou que a bebê continua em tratamento na unidade.

De acordo com o hospital, conforme requisitado pela 33ª Promotoria de Justiça de Campo Grande e determinado pela Vara da Infância, Adolescência e do Idoso, a criança está sob cuidados de um acompanhante, 24 horas por dia, desde o dia 5 de janeiro, encaminhado pela Justiça. O caso foi institucionalizado, ou seja, a criança está sob tutela do Estado até que a ocorrência tenha uma solução. A reportagem entrou em contato com o Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul (MPMS) para mais esclarecimentos sobre o caso, mas não obteve resposta até a publicação do conteúdo. (*G1)