Cantor Eduardo Costa causa polêmica ao falar que é “semi-gay”

eduardocosta

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

O cantor Eduardo Costa causou polêmica ao dizer que se considera um “semi-gay”. O sertanejo fez essa declaração ao citar comportamentos que para ele estariam relacionados à pessoas homoafetivas. “Eu sou um cara muito organizado, muito ajeitado, tudo muito arrumado. Eu sou um semi-gay, eu faço tudo que um viad* faz, só não dou o c*. Você quer gente mais organizado que o viad*? O viad*, o gay, os homossexuais, eles estão entre os homens e as mulheres, eles caminham entre eles com muita facilidade”, disse Eduardo Costa.

O cantor, apoiador declarado do presidente Jair Bolsonaro, continuou a citar gays em sua entrevista.”Você consegue imaginar o Eduardo Costa gay? Porque assim, se eu fosse eu seria muito assumido. Eu gosto muito de mulher, se eu fosse gay eu ia gostar muito de homem. Eu ia ser uma ‘gayzona’ mesmo”, acrescentou.

Redes LGBTQIA+ repurdiaram as declarações do cantor. As falas também foram criticadas na internet.