Católicos lotam centro de Feira

Fiéis lotam o largo da catedral Metropolitana para saudar Senhora Sant’Ana. (Foto: Olá Bahia)
Fiéis lotam o largo da catedral Metropolitana para saudar Senhora Sant’Ana. (Foto: Olá Bahia)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Fiéis lotam o largo da catedral Metropolitana para saudar Senhora Sant’Ana. Foto: Olá Bahia
Fiéis lotam o largo da catedral Metropolitana para saudar Senhora Sant’Ana. Foto: Olá Bahia

Uma multidão reunida para reafirmar sua fé e celebrar a sua padroeira. Neste domingo (26), dia de Senhora Sant’Ana, a comunidade católica de Feira de Santana lotou o centro da cidade acompanhando a procissão que encerrou os louvores à padroeira.

Diversas comunidades e até mesmo outras cidades foram representadas na multidão que seguiu por vias importantes do centro de Feira. Ao final da procissão, regressando para a Praça da Matriz, os fiéis receberam a bênção do Santíssimo Sacramento através do Arcebispo Metropolitano, Dom Itamar Vian.

Presente para a comunidade

A Praça Padre Ovídio, que fica ao lado da Catedral Metropolitana, foi entregue para os feirenses totalmente reformada nesta noite de festa com um show da cantora Joanna.

Solene Celebração Eucarística

Dom Itamar Vian, Arcebispo Metropolitano de Feira de Santana, além de saudar avôs e avós com o exemplo de São Joaquim e Santana, também salientou a Encíclica do Papa Francisco que conclama a humanidade a ter mais responsabilidade com a natureza. Foto: Olá Bahia
Dom Itamar Vian, Arcebispo Metropolitano de Feira de Santana, além de saudar avôs e avós com o exemplo de São Joaquim e Santana, também salientou a Encíclica do Papa Francisco que conclama a humanidade a ter mais responsabilidade com a natureza. Foto: Olá Bahia

Durante a manhã do domingo, uma solene celebração eucarística foi presidida por Dom Itamar. Em sua homilia, o Arcebispo além de saudar avôs e avós com o exemplo de São Joaquim e Santana, também salientou a Encíclica do Papa Francisco que conclama a humanidade a ter mais responsabilidade com a natureza. “Os problemas causados à natureza prejudica a todos nós, principalmente aos mais pobres”, disse Dom Itamar.