Prefeitura de Salvador enfrenta encostas com recursos próprios

Prefeito ACM Neto em visita áreas afetadas pelas chuvas

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Prefeito ACM Neto em visita áreas afetadas pelas chuvas
Prefeito ACM Neto visita áreas afetadas pelas chuvas

O secretário de Infraestrutura de Salvador, Paulo Fontana, afirmou nesta sexta-feira (15) que a prefeitura está enfrentando com recursos próprios as obras de recuperação das encostas de Salvador. “Se a prefeitura não tivesse as contas equilibradas não teríamos condições de enfrentar os estragos causados pelas chuvas. A burocracia do governo federal e a forma como a gestão passada enfrentou o problema nos atrapalhou, mas estamos resolvendo e fazendo obras que são fundamentais para a população”, enfatizou.

Desde o ano passado, a prefeitura de Salvador aguarda a liberação da verba de um convênio assinado com o Ministério da Integração Nacional para a recuperação de 18 encostas nas áreas de riscos em Salvador. Segundo o secretário Paulo Fontana, o convênio está parado por conta da burocracia do próprio ministério.

Na gestão passada, foram licitadas mais 20 obras de encostas junto ao Ministério das Cidades, mas sem projeto, o que inviabilizou a execução imediata. Segundo Fontana, a gestão de ACM Neto conseguiu apresentar projetos e as verbas para 12 encostas foram liberadas. A Prefeitura tenta viabilizar as outras oito encostas.

De acordo com Paulo Fontana, com recursos próprios, a prefeitura já conclui diversas obras de contenção de encostas e outras estão em andamento. Uma delas, a da Ladeira do Cacau, vai resolver um dos problemas históricos da cidade e está em fase de conclusão.