Comerciante argentino é morto com tiro pelas costas na Barra

Vítima foi levada para o HGE, mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Margarida Neide/Ag. A TARDE.
Vítima foi levada para o HGE, mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Margarida Neide/Ag. A TARDE.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Vítima foi levada para o HGE, mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Margarida Neide/Ag. A TARDE.
Vítima foi levada para o HGE, mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Margarida Neide/Ag. A TARDE.

O argentino Horácio Lopez, dono da Churrascaria Carne na Brasa, na Barra, em Salvador, morreu após ser baleado pelas costas no próprio estabelecimento na noite desta quinta-feira (5). Segundo informações da assessoria de comunicação da Polícia Civil, a vítima estava sentada de costa na primeira mesa do comércio quando um homem entrou e efetuou quatro disparos que atingiram a cabeça e o braço direito do empresário. Ele ainda foi levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos.

O crime aconteceu entre as ruas César Zama e Barão de Itapuã, por volta das 21h30. As câmeras de segurança da churrascaria, aberta a cerca de 20 dias, não estavam funcionando. Uma equipe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) esteve no local, mas não soube informar o que motivou o crime. Policiais da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico), que investiga o caso, encontraram cápsulas de balas da arma calibre .40 no estabelecimento durante a perícia. Até às 10h de hoje, nenhum suspeito havia sido preso.

Com informações do site do jornal A Tarde.