Doméstica de Coité assassinada em Salvador

EMPREGADA

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A empregada doméstica Vanuza Nascimento dos Santos, 35 anos, foi encontrada morta em Salvador, com os pés e as mãos amarrados, além de amordaçada. Existe a suspeita que Vanuza tenha sofrido estupro, mas só o resultado da perícia pode confirmar essa versão.

A vítima é natural de Conceição do Coité, mas morava há 15 anos no Bairro de Sussuarana na capital baiana. Os familiares dela moram no Povoado de Maxixe e um dos irmãos é o professor Evandro Nascimento.

Segundo informação do professor, Vanuza saiu de casa por volta das 6h da manhã de ontem (20), para pegar um ônibus com destino ao trabalho, mas não chegou. A patroa, então, ligou para a família informando que Vanuza não tinha ido trabalhar, o que levou todos a iniciar uma busca pela vítima.  Pouco tempo depois, a coiteense foi encontrada morta.  Ela deixou o marido e um filho.

 

Texto e foto: www.calilanoticias.com.br