Ex-Frenética Lidoka Martuscelli morre aos 66 anos

Ela tinha 66 anos e lutava contra um câncer de pele. (Foto: Reprodução / Google)
Ela tinha 66 anos e lutava contra um câncer de pele. (Foto: Reprodução / Google)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Ela tinha 66 anos e lutava contra um câncer de pele. (Foto: Reprodução / Google)
Ela tinha 66 anos e lutava contra um câncer de pele. (Foto: Reprodução / Google)

Morreu na noite de ontem (22), em sua casa em Ipanema, na Zona Sul do Rio de Janeiro, Maria Lídia Martuscelli, a Lidoka do grupo As Frenéticas. Ela tinha 66 anos e lutava contra um câncer de pele. A triste notícia foi dada pelo filho da cantora, Igor Bandoca, nas redes sociais. “Informo a todos que minha mãe, a eterna Frenética, voou há duas horas. Agora irá curtir as energias do céu! Que sorte tive em poder me despedir, aceitar e entender sua ida. Agradeço muito a todos, vocês ajudaram muito a seu espírito subir com paz. Foi super tranquilo, em paz. Como um passarinho, palavras do enfermeiro que estava acompanhando ela”, escreveu ele.

Lidoka integrou o grupo As Frenéticas  (Foto: Reprodução/Facebook)
Lidoka integrou o grupo As Frenéticas (Foto: Reprodução/Facebook)

Alguns famosos usaram as redes sociais para lamentar a morte de Lidoka.Grace Gianoukas, da novela “Haja Coração”, lamentou: “Lidoka Martuscelli, minha ídola, minha amiga amada, que os anjos te aplaudam de pé na tua chegada! Nós, daqui, agradecemos a tua passagem brilhante pelo nosso tempo”. Regina Casé comentou o post de Igor Bandoca com a notícia triste: “Um beijo cheio de carinho pra você, querido”.