Fiuk se apresenta à Justiça em processo contra garçom após oito anos da acusação

Fiku e o pai, Fabio Jr. Foto: Divulgação.

Leia mais: http://extra.globo.com/famosos/fiuk-fara-papel-mulherengo-na-tv-nao-escapa-de-comparacoes-com-fabio-jr-21057114.html#ixzz4bJOXT1BO
Fiku e o pai, Fabio Jr. Foto: Divulgação. Leia mais: http://extra.globo.com/famosos/fiuk-fara-papel-mulherengo-na-tv-nao-escapa-de-comparacoes-com-fabio-jr-21057114.html#ixzz4bJOXT1BO

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

O ex-BBB Fiuk acusou o garçom, Marco Antônio Conrado dos Santos, de roubar seu celular enquanto ele estava hospedado no Hotel Sheraton, no Rio de Janeiro, em 2011. De acordo com informações do colunista Anselmo Góis, do jornal ‘O Globo’, só agora, depois de oito anos, o ator e cantor se apresentou à Justiça para responder a uma ação movida pelo funcionário do hotel desde 2014.

Segundo a publicação do jornalista, a história aconteceu da seguinte maneira: o garçom foi chamado até o quarto do filho de Fábio JR. para requentar uma comida e também retirar a louça suja do espaço. Horas depois do atendimento, o artista desceu até a recepção do hotel e acusou o profissional de furto do aparelho telefônico. No entanto, a polícia não encontrou nenhum pertence do ex-BBB com Marco Antônio.

Vale destacar que a ação deve ser julgada por vídeo conferência. Por ser acusado injustamente, o garçom pediu na Justiça R$ 30 mil de indenização.