Maju é promovida

Jornalista é a primeira apresentadora negra da previsão do tempo no JN. Foto: folhavitoria.com.br.
Jornalista é a primeira apresentadora negra da previsão do tempo no JN. Foto: folhavitoria.com.br.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Jornalista é a primeira apresentadora negra da previsão do tempo no JN. Foto: folhavitoria.com.br.
Jornalista é a primeira apresentadora negra da previsão do tempo no JN. Foto: folhavitoria.com.br.

A jornalista Maria Julia Coutinho, Maju, a moça do tempo no Jornal Nacional (JN), vai entrar na escala de folgas e feriados dos apresentadores de telejornais da Globo, passando a âncora, mas seguirá titular na previsão do tempo. O plano de promovê-la já existia, mas foi acelerado após a imensa repercussão e carinho recebidos pela jornalista, que na semana anterior foi vítima de comentários racistas no Facebook oficial do JN.

Um adolescente de 15 anos, suspeito de ter postado ofensas racistas contra Maju, foi identificado pela polícia nesta quarta-feira (8). O menor mora em Carapicuíba (Grande São Paulo). Ele foi ouvido na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) e, em seguida, liberado.

Um inquérito para investigar o crime de prática de discriminação ou preconceito de raça foi instaurado pela Decradi. Para chegar ao primeiro suspeito, os policiais rastrearam as imagens com as mensagens ofensivas e fizeram buscas nas redes sociais. Os comentários racistas foram publicados por vários internautas na última quinta-feira (2). Maju é a primeira negra a apresentar a previsão do tempo no JN, cargo que ocupa desde abril.

Com informações do jornal A Tarde.