Manifestantes fecham BR-242 em protesto pelas péssimas condições

Foto: Reprodução/ Facebook Geremias Palmeira
Foto: Reprodução/ Facebook Geremias Palmeira

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Moradores de Castro Alves e Sapeaçu fecharam, na manhã desta quarta-feira (15/7), a BR-242, estrada de ligação entre as duas cidades. De acordo com os manisfestantes, a rodovia está intransitável, com a grande quantidade de buracos. E, para chamar atenção dos órgãos competentes, para quantidade de impostos que pagam (sem retorno visível),  eles queimaram pneus e desenharam as seguintes inscrições na pista: ‘DPVAT, IPVA, TAXA, PLACA, PEDÁGIO, VISTORIA, INMETRO’.

De acordo o morador Thiago Souza, o problema se estende por mais de três anos. “Meu carro já estourou pneu nessa estrada, porque cai em um buraco. Semana passada, um motorista foi desviar de um buraco, e bateu de frente com um caminhão, vindo a óbito”. Ele ainda disse que a situação é tão caótica, que tem um senhor que fica na BR com um carro velho, tapando os buracos. “Aí os motoristas dão uns trocados a ele pelo serviço”, relatou.

O protesto, que começou por volta das 4h da manhã, só terminou às 8h30, quando os manifestantes liberaram a pista.

Manifestantes escreveram, em um dos buracos, nomes dos impostos que pagam   Foto: Reprodução/ Facebook Geremias Palmeira
Manifestantes escreveram, em um dos buracos, nomes dos impostos que pagam
Foto: Reprodução/ Facebook Geremias Palmeira