Motorista paga R$ 6,40 de pedágio em apenas 46 km

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
A empresa que explora a rodovia há quatro anos só duplicou até agora 10 dos 46 quilômetros
A empresa que explora a rodovia há quatro anos só duplicou até agora 10 dos 46 quilômetros

Há mais de quatro anos que motoristas pagam pedágios para trafegar em apenas 46 quilômetros da BA-093 e a empresa que explora a rodovia só duplicou até agora 10 quilômetros.  O assunto foi motivo de um discurso do deputado Carlos Geilson na Assembleia Legislativa, quando o parlamentar cobrou a extensão da duplicação.

“Em apenas 46 quilômetros, há duas praças de pedágio, cada uma cobrando no mínimo R$ 3,20. Caso o motorista passe pelas duas, ele paga R$ 6,40; e se for ida e volta, R$ 12,80. É um absurdo, levando-se em conta tão curto percurso”, argumentou o parlamentar.

A BA-093 passa pelas cidades de Simões Filho, Camaçari, Dias D´Ávila, Mata de São João e Pojuca, tendo um grande movimento de carros, caminhões e carretas. Além disso, ela serve de ligação entre Salvador e Alagoinhas, bem como a todo o Norte da Bahia.

“Bom, esteja ou não no contrato de concessão com a Bahia Norte, considero um absurdo o valor do pedágio num trecho tão curto e tão movimentado, e que, em quatro anos de cobrança, tenham sido duplicados apenas 10 km.  É muito pouco benefício para o cidadão e principalmente para o motorista que tem o seu veículo como meio de vida. Lamentável”, disse Carlos Geilson em um dos trechos do discurso.