Polícia investiga estupro filmado em carceragem

Polícia instaurou inquérito para apurar a situação. Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias.
Polícia instaurou inquérito para apurar a situação. Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Polícia instaurou inquérito para apurar a situação. Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias.
Polícia instaurou inquérito para apurar a situação. Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias.

Um homem suspeito de estupro, detido na carceragem da 20ª Coordenadoria Regional do Interior (Coorpin), localizada no município de Brumado, sudoeste baiano, foi agredido por presos. O episódio foi filmado e circulou pela internet. A polícia afirma que teve conhecimento da agressão no dia 22 de outubro e instaurou um inquérito para apurar a situação

O vídeo mostra o preso recebendo socos e pontapés, além de ser despido pelos detentos. O homem, de 39 anos, estava detido por suspeita de estupro no município de Ituaçu, a 59 quilômetros de Brumado. Conforme a polícia, ele passou por exames periciais no Departamento de Polícia Técnica (DPT) após ser agredido.

Até a publicação desta reportagem pelo G1 por volta das 11h15, horário da Bahia, nove detentos da carceragem de Brumado foram ouvidos pela polícia. O titular da 20ª Coorpin, Rafael Araújo, ainda deverá decidir por quais crimes os envolvidos na agressão serão indiciados. Ainda não há informações sobre a autoria do vídeo gravado dentro da carceragem.

Com informações do G1.