Presidente da Fifa pode ser suspenso do cargo por 90 dias

Blatter está sendo investigado criminalmente por assinar contratos de TV “desfavoráveis” à Fifa e fazer “pagamentos desleais”. Foto: Reprodução/O Globo - Fabrice Coffrini /AFP
Blatter está sendo investigado criminalmente por assinar contratos de TV “desfavoráveis” à Fifa e fazer “pagamentos desleais”. Foto: Reprodução/O Globo - Fabrice Coffrini /AFP

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Blatter está sendo investigado criminalmente por assinar contratos de TV “desfavoráveis” à Fifa e fazer “pagamentos desleais”. Foto: Reprodução/O Globo - Fabrice Coffrini /AFP
Blatter está sendo investigado criminalmente por assinar contratos de TV “desfavoráveis” à Fifa e fazer “pagamentos desleais”. Foto: Reprodução/O Globo – Fabrice Coffrini /AFP

Membros do Comitê de Ética da Federação Internacional de Futebol (Fifa) recomendaram que o presidente da entidade, Joseph Blatter, seja suspenso do cargo por 90 dias.

Blatter está sendo investigado criminalmente na Suíça por assinar contratos de TV “desfavoráveis” à Fifa e fazer “pagamentos desleais”, no valor de 1,8 milhão de euros, ao presidente da União das Federações Europeias de Futebol (Uefa), Michel Platini, em 2011. Blatter e Platini negam as acusações.

A recomendação do comitê ainda precisa ser ratificada pela câmara decisória, liderada pelo juiz alemão Hans Joachim Eckhert. A previsão é que a decisão seja tomada até o final desta semana.

Em meio aos escândalos, Blatter já havia se recusado a deixar a presidência da Fifa antes das novas eleições, marcadas para fevereiro. Se a suspensão for confirmada, ele ficará longe da Fifa até o final de janeiro e deverá ser substituído, interinamente, pelo camaronês Issa Hayatou, o mais velho vice-presidente da entidade.

*Agência Brasil