Príncipe se recandidata à Fifa

Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia
(Foto: AFP)
Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia (Foto: AFP)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia (Foto: AFP)
Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia
(Foto: AFP)

Ali bin Al-Hussein, príncipe da Jordânia,  que foi adversário de Joseph Blatter no pleito do último dia 29 para presidência da Fifa, será novamente candidato na disputa para o cargo máximo da entidade.

O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (2), após a renúncia do ex-presidente Joseph Blatter. Na votação do dia 19, Al-Hussein recebeu 73 votos.  Joseph Blatter conquistou 133. Nenhum dos dois candidatos atingiu dois terços dos votos válidos e, por isso, era necessário um segundo turno, mas o príncipe desistiu do pleito deixando a presidência para Blatter.

A próxima eleição da Fifa está prevista para acontecer entre dezembro de 2015 e março de 2016.