Anvisa proíbe venda extrato de tomate com pelo de rato

Foto: Reprodução / Olhar Cidade
Foto: Reprodução / Olhar Cidade

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proíbe a distribuição e a comercialização do Lote 29 H1, com validade até maio de 2016, do produto extrato de tomate da marca Bonare, fabricado pela Goiás Verde Alimentos.

Laudo da Fundação Ezequiel Dias apresentou resultado insatisfatório na análise de matéria estranha no produto devido à presença de fragmentos de pelo de roedor, indicativa de risco à saúde.

*Com informações da Agência Brasil