Rodoviários fazem reciclagem a partir de hoje

FOTO EMBARGADA PARA A CIDADE DE SALVADOR, BA.
Os rodoviários do estado da Bahia decidiram encerrar a greve de ônibus que já durava três dias, durante assembléia extraordinária, realizada na manhã deste sábado (26), no Sinergia. Os rodoviários aceitaram uma nova proposta patronal que além do reajuste de 7,5% no salário, ticket de R$11,2, e retorno do qüinqüênio, estabeleceu o parcelamento do desconto dos dias parados. 
Foto: Eduardo Martins | Ag. A Tarde
 / Futura Press
FOTO EMBARGADA PARA A CIDADE DE SALVADOR, BA. Os rodoviários do estado da Bahia decidiram encerrar a greve de ônibus que já durava três dias, durante assembléia extraordinária, realizada na manhã deste sábado (26), no Sinergia. Os rodoviários aceitaram uma nova proposta patronal que além do reajuste de 7,5% no salário, ticket de R$11,2, e retorno do qüinqüênio, estabeleceu o parcelamento do desconto dos dias parados. Foto: Eduardo Martins | Ag. A Tarde / Futura Press

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Cerca de quatro mil rodoviários do Consórcio Ot Trans, que atuam na Bacia B (operante no miolo de Salvador), passarão por um curso de reciclagem a partir desta segunda-feira (15). As aulas envolvem atendimento ao passageiro; atenção diferenciada a pessoas com deficiência; direção defensiva e preventiva; importância do Sistema de Transporte Coletivo; e procedimentos como preenchimento correto dos documentos obrigatórios, paradas nos pontos, cumprimento de itinerários e horários, além de direção econômica, postura e relacionamento.

Formadas por cerca de 25 motoristas e 25 cobradores, as turmas terão aulas das 8h às 16h30, diariamente, sendo que, no total, cada funcionário terá 40 horas de treinamento por ano. Os motoristas recebem o curso no auditório da antiga Expresso Vitória, em Pirajá. Os cobradores, no auditório da antiga empresa União. As aulas acontecem no horário em que os rodoviários estariam trabalhando. Para isso, a Ot Trans contratou cerca de 60 funcionários extras para cobrir as ausências. Os três consórcios que atuam em Salvador deverão investir nos cursos de capacitação para seus funcionários, conforme exigido no contrato de licitação de transporte público, e a estimativa é que todos os 14 mil rodoviários da cidade sejam beneficiados.

Com informações do jornal *Correio.

Foto: Eduardo Martins/Ag. A Tarde/Futura Press.