Rui Costa discute desafios do país com técnicos do Banco Mundial

Rui salientou "o avanço da Bahia" nos últimos anos. Foto: Manu Dias/Gov-BA.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Rui salientou "o avanço da Bahia" nos últimos anos. Foto: Manu Dias/Gov-BA.
                       Rui salientou “o avanço da Bahia” nos últimos anos. Foto: Manu Dias/Gov-BA.

A apresentação do diagnóstico sistemático sobre o Brasil, elaborado pelo Banco Mundial (Bird) em 2015, reuniu, nesta terça-feira (5), o governador Rui Costa e representantes do Bird, no auditório da Procuradoria Geral do Estado (PGE). O encontro teve a participação de secretários de estado e membros da sociedade civil para discutir os avanços do país nos últimos anos e os desafios para a retomada do crescimento econômico, levando em conta subtemas como aumento da produtividade e competitividade na economia global, além de infraestrutura e desenvolvimento sustentável.

“É inegável o avanço do país do ponto de vista da moradia, infraestrutura urbana, oferta de educação, entre outras mudanças. Na Bahia, tínhamos apenas uma universidade federal, hoje temos seis, também temos oito cursos de medicina espalhados pelo estado, e antes só tínhamos um. Ao longo dos últimos anos, houve uma expressiva melhora nas condições de vida da população”, disse Rui.

Limitações

Para o diretor do Banco Mundial no Brasil, Martin Raiser, o país tem potencial para crescer ainda mais nos próximos anos, desde que faça mudanças estruturais. “O Brasil está em situação singular. É o quinto maior país do mundo em território e contingente, e melhorou muito entre os países emergentes. Mas algumas limitações precisam ser superadas para a retomada do crescimento”, enfatizou Raiser.

A cada quatro anos, o Banco Mundial renova as estratégias de atuação nos países. Esta foi a primeira vez que a instituição veio a Salvador para apresentar o documento e ouvir autoridades, juntamente com a população.

Do site do jornal A Tarde.