Salvador regulamenta Plano de Carreira da Educação

Foto: Reprodução/Acesse Bahia
Foto: Reprodução/Acesse Bahia

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A regulamentação do Plano de Carreira e Remuneração dos Profissionais da Educação, em conformidade com a Lei no 8.722/14, foi publicada na edição desta quinta-feira (25) do Diário Oficial de Salvador.

Com a regulamentação do plano, a categoria passa a contar com importantes avanços que atendem reivindicações históricas, como a implantação da reserva de um terço da jornada do professor para atividades complementares à regência; e criação da gratificação por otimização do tempo de 30% para docentes da educação infantil ao 5º ano, em substituição à antiga gratificação de Atividade Complementar. Esse benefício se estenderá também aos professores de disciplinas específicas, desde que cumpram a mesma carga horária daqueles da educação infantil ao 5º ano.

O plano prevê ainda a criação da gratificação de desenvolvimento das políticas estratégicas para os coordenadores pedagógicos, no percentual de 30%; instituição da gratificação de estímulo ao aprimoramento profissional, que varia de 2,5% a 7,5%, de acordo com os cursos apresentados; e implantação da gratificação de incentivo à qualidade da gestão escolar aos diretores e vice-diretores, no valor de 10% do cargo em comissão ocupado.

A execução do plano tem um impacto de mais de R$ 100 milhões no orçamento municipal e representa o compromisso do município com a melhoria da qualidade da educação oferecida aos alunos da rede.