Sobe para 123 o número de ataques a bancos

Suspeito fugiram levando quantia ainda revelada.
Suspeito fugiram levando quantia ainda revelada.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Suspeito fugiram levando quantia ainda revelada.
Suspeitos fugiram levando quantia ainda revelada.

Os registros de ataques a bancos na Bahia continuam crescendo. Com a explosão de um autoatendimento da Caixa Econômica Federal (CEF), em Candeias, região metropolitana de Salvador, na noite desta quinta-feira (9), subiu para 123 o número de ocorrências contra as instituições financeiras neste ano. Seis suspeitos renderam o segurança do prédio da Justiça do Trabalho, onde o equipamento estava instalado, e efetuaram a detonação. O grupo conseguiu fugir levando o dinheiro. A quantia não foi revelada. Por organização, este é o 18º caso registrado contra CEF. Em primeiro lugar está o Banco do Brasil, com 58 ataques, e em seguida aparece o Bradesco com 33.

Com informações e foto do site do Sindicato dos Bancários da Bahia.