Tia é presa depois de jogar água quente em sobrinho

(Foto: Teixeira News)
(Foto: Teixeira News)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

 

(Foto: Reprodução / Teixeira News)
A mulher contou que o alvo não era o sobrinho, mas sim um amigo do irmão dela que teria abusado sexualmente dela (Foto: Reprodução / Teixeira News)

Uma mulher de 32 anos foi presa em flagrante por jogar água quente e provocar diversas queimaduras no sobrinho de 8 anos, no município de Alcobaça – Região Sul Baiana. De acordo com informações da delegacia de Teixeira de Freitas, onde o caso foi registrado, Rosemaria Sacramento dos Santos, foi presa em flagrante por lesão corporal grave no último sábado (22), depois de ser encontrada pela polícia na BA-290, já na altura de Caravelas. “Os policiais militares que a capturaram informaram que ela estava fugindo após queimar o menino, mas em depoimento ela disse que estava indo para casa de uma amiga devido ao clima tenso que se formara em casa após o caso”, contou o escrivão Laerte, da delegacia de Teixeira de Freitas.

Ainda de acordo com a delegacia, a mulher contou que o alvo não era o sobrinho, que dormia em um dos quartos da casa quando foi atingido, mas sim um amigo do irmão dela, que também estava na casa, e teria abusado sexualmente dela durante a noite. “Ela afirmou que quando acordou sem calcinha decidiu esquentar a água para atingir o homem, que seria amigo do pai da criança. Como o garoto costumava dormir no quarto com o avô quando passava os finais de semana lá, ela derramou a água por engano no menino, que nesta noite, estava em outro quarto”, detalhou o escrivão.

Logo após ser atingido pela água quente o garoto foi socorrido a um hospital na própria cidade de Alcobaça, onde permanece internado. Ele sofreu queimaduras de segundo grau na orelha, no pescoço e nos ombros. Como a delegacia de Alcobaça não funciona durante o final de semana, o caso foi conduzido a Teixeira de Freitas onde foi feito o flagrante. As investigações acerca do que foi dito pela mulher e o depoimento dos familiares serão prestados em Alcobaça. A tia do menino continua detida na Delegacia de Teixeira de Freitas, à disposição da Justiça.