Tremores de terra são sentidos no Sudoeste da Bahia

O abalo causou rachaduras nas paredes e nos pisos das casas, mas não teve registro de nenhuma pessoa ferida. (Foto: Reprodução /  google maps)
O abalo causou rachaduras nas paredes e nos pisos das casas, mas não teve registro de nenhuma pessoa ferida. (Foto: Reprodução / google maps)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
O abalo causou rachaduras nas paredes e nos pisos das casas, mas não teve registro de nenhuma pessoa ferida. (Foto: Reprodução / google maps)
O abalo causou rachaduras nas paredes e nos pisos das casas, mas não teve registro de nenhuma pessoa ferida. (Foto: Reprodução / google maps)

Moradores de cinco cidades da região sudoeste da Bahia foram surpreendidos por um tremor de 3,0 graus na Escala Richter, na madrugada desta sexta-feira (6). Segundo o coordenador de ações Estratégicas da Defesa Civil do Estado, Paulo Sérgio Menezes Luz, a magnitude no município de Iguaí foi de 3.16 mR. O abalo causou rachaduras nas paredes e nos pisos das casas, mas não teve registro de nenhuma pessoa ferida.

De acordo com Paulo Sérgio, é a primeira vez que um abalo sismico é registrado na região. Equipes do órgão estão avaliando as causas do tremor. Para o Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP), uma das causas do tremor pode ter sido a acomodação do solo por causa da falta de chuva na região. O tremor de terra foi sentido nas cidades de Ibicuí, Itororó, Iguaí, Firmino Alves e Nova Canaã.