Trio é preso por suspeita de tráfico internacional de drogas na Tailândia; duas irmãs envolvidas são de Feira

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Duas irmãs de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 quilômetros de Salvador, foram presas no aeroporto de Bangkok, capital da Tailândia, suspeitas de tráfico internacional de drogas.

Elas foram presas em flagrante com um homem identificado como Laécio José Paim das Virgens Filho, que ainda não teve sua cidade de origem revelada.

O trio foi preso com cocaína no dia 13 de junho e permanece à disposição da Justiça tailandesa.

As duas irmãs são Samara Taxma Chalegre Muritiba e Daiana Chalegre Muritiba. A mãe das jovens, identificada apenas como Soraia, confirmou a prisão e disse que não poderia fornecer mais informações por orientação de advogados.

Segundo ela, as mulheres foram enganadas por um rapaz.

Não há detalhes sobre as circunstâncias que ocorreram a prisão, nem o vínculo entre Laécio José e as duas irmãs de Feira de Santana. Também não há informações se Laécio é o mesmo homem apontado pela mãe das garotas como responsável pelo crime.

Na Tailândia, o crime de tráfico de drogas pode ter punição de reclusão, prisão perpétua ou pena de morte, a depender do tipo e da quantidade do ilícito apreendido.

Procurado pelo g1, o Itamaraty, por meio da Embaixada em Bangkok, informou que acompanha a situação e presta assistência aos brasileiros, em conformidade com os tratados internacionais vigentes e com a legislação local.

O órgão disse também que não poderia passar informações detalhadas a respeito da prisão, de acordo com o direito à privacidade e conforme a Lei de Acesso à Informação.

Por TV Subaé e g1 BA – Foto: Reprodução/TV Subaé