Os eternos namorados

Ela pediu que essa foto tivesse destaque, pois gostou da viagem (Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)
Ela pediu que essa foto tivesse destaque, pois gostou da viagem (Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Ela pediu que essa foto tivesse destaque, pois gostou da viagem (Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)
Ela pediu para colocar essa foto em destaque, pois gostou da viagem (Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)

O pôr-do-sol da tarde de ontem (11) quase findava quando em uma conversa saudosista e enriquecedora encontrei Marizete Santiago da Silva, ou simplesmente Marizete, para conversarmos sobre o Dia dos Namorados. Ela com seus 71 anos de idade,  44 dos quais casada com Genésio Abílio da Silva.

“Nos conhecemos na casa de uma amiga, e logo nos apaixonamos. Ele me pediu em casamento com 15 dias de namoro, mas eu pedi para esperar a relação amadurecer, no entanto em dois anos nos casamos. Eu sou feliz com ele do meu lado. Juntos construímos uma linda família, temos cinco filhos e dois netos”, lembra.

 

11428727_1004798522864228_1068391496590117453_n
“Quando tem festividade Genésio me acompanha, se tiver música dançamos juntinhos” (Foto: reprodução / Arquivo Pessoal)

Entre conversas, Marizete disse que o segredo do casal para um casamento tão longo, além de muito amor, é ter comunicação e muita paciência. “No casamento é quando as pessoas realmente se conhecem e se você decide querer aquela pessoa para o resto de sua vida ao seu lado, é preciso muita paciência e conversa para que ambos se adequem e mantenha uma relação feliz”, ressalta ela que continua

“Outra coisa essencial que nos faz uns eternos namorados é a cumplicidade! Participo do grupo da ‘Terceira Idade’ e quando tem festividade Genésio me acompanha, se tiver festa e música, dançamos juntinhos. No início deste mês viajamos em família para visitar a cidade dele (São Caetano – PE) a cidade está toda enfeitada para o São João, e aproveitamos para curtir as atrações que tocaram, não teve arrasta pé, mas foi proveitoso”.