A meta é imunizar até o dia 9 de março pelo menos 95% da população de oito municípios (Foto: SESAB)

A Secretaria de Saúde da Bahia inicia, a partir de hoje (19), a vacinação fracionada contra a febre amarela. A meta é imunizar até o dia 9 de março pelo menos 95% da população de oito municípios: Camaçari, Candeias, Itaparica, Lauro de Freitas, Mata de São João, Salvador, São Francisco do Conde e Vera Cruz. A previsão para todo o estado é vacinar 3.362.802 de pessoas – 1,2 milhão apenas em Salvador.

A vacinação é destinada a pessoas a partir dos 2 anos, inclusive indígenas, desde que não apresentem condições clínicas especiais. A orientação do Ministério da Saúde é quem já tomou a vacina ao longo da vida não precisa receber uma nova dose.“A intenção é proteger o maior número de pessoas contra a febre amarela, em localidades com grande contingente populacional e que têm evidência de circulação do vírus e risco elevado de transmissão da doença”, informou a secretaria.

Ainda segundo órgão, durante a campanha, a dose padrão será disponibilizada apenas para crianças de 9 meses a menores de 2 anos de idade; gestantes com indicação escrita do médico; viajante internacional que necessite da emissão do certificado internacional de vacinação; e pessoas que apresentarem condições clínicas especiais avaliadas pelo serviço de saúde.

 

Maia lembrou que a PEC já está pronta para ser votada mas, com o decreto da intervenção, fica suspensa. (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

De acordo com o Blog do Camarotti, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, informou que está suspensa a tramitação da reforma da Previdência. A suspensão se deve ao decreto de intervenção federal da segurança pública do Rio de Janeiro.

Questionado pelo blog sobre a possibilidade de manter a tramitação sem a promulgação da reforma, Maia lembrou que a PEC já está pronta para ser votada mas, com o decreto da intervenção, fica suspensa.

Na semana passada, Maia disse “fica difícil” votar a reforma da Previdência com o decreto de intervenção federal na pauta do Congresso. Com a suspensão, a Advocacia-geral da União (AGU) já prepara recurso ao Supremo Tribunal Federal (STF) e deve argumentar perda de objeto do pedido dos deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) e o senador Paulo Paim (PT-RS) para proibir que a intervenção federal fosse suspensa para votação da reforma da Previdência. Segundo a AGU, como já foi suspensa a tramitação da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados não há razão para acolhida desse pedido.

Os recursos do Fies são destinados a financiar alunos em cursos superiores privados, desde que esses tenham avaliação positiva no MEC. (Foto: Reprodução)

Iniciaram hoje (19) as inscrições para o financiamento estudantil do governo federal. A iniciativa usa recursos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e é coordenada pelo Ministério da Educação (MEC). O período vai até o dia 28 de fevereiro, às 23h59. Os contratos vão seguir as novas regras do programa, aprovadas no ano passado. A previsão do governo é atender a 310 mil pessoas em 2018.

Os recursos do Fies são destinados a financiar alunos em cursos superiores privados, desde que esses tenham avaliação positiva no MEC. O montante a ser pago depende de uma fórmula que leva em consideração o preço da mensalidade e a renda familiar do candidato.

No início do mês, o Comitê Gestor do Fies definiu os limites do financiamento: máximo de R$ 30 mil por semestre e mínimo de R$ 300. As condições do financiamento precisam ser estipuladas entre o banco que irá conceder o empréstimo, a instituição de ensino e o aluno. Após a conclusão do curso, o valor da parcela dependerá da renda do estudante.

 

Pode se inscrever quem teve média de pelo menos 450 no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que não tenha zerado a redação. Outra exigência é se encaixar dentro dos limites de faixa de renda estabelecidos para o programa. As inscrições devem ser feitas no site do MEC. O candidato deve fornecer o número do CPF, a data de nascimento e um e-mail válido. Além disso, deve informar a renda familiar para comprovar que se encaixa nas exigências do programa.

A vingança nunca é plena, mata a alma e envenena. (Foto: Amanda Oliveira/GOVBA)

O Supremo Tribunal Federal (STF), por meio de deliberação de seu Plenário Virtual, reafirmou jurisprudência dominante e deu provimento ao Recurso Extraordinário (RE) 976610, interposto pelo Estado da Bahia contra decisão do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) que concedeu reajuste de 34,06% nos soldos e na gratificação de oficiais da Polícia Militar (PM), a título de revisão geral anual de 2000.

A jurisprudência aplicada é a de que não cabe ao Poder Judiciário, que não tem função legislativa, aumentar vencimentos de servidores públicos sob o fundamento de isonomia (Súmula Vinculante 37). Os beneficiados, entretanto, não terão de devolver os valores recebidos de boa-fé até o momento.

A matéria tratada no recurso, de relatoria do ministro Dias Toffoli, teve repercussão geral reconhecida no Plenário Virtual e, com o julgamento de mérito, a Corte fixou a seguinte tese: “O Supremo Tribunal Federal veda o aumento de vencimentos pelo Poder Judiciário com base no princípio da isonomia, na equiparação salarial ou a pretexto da revisão geral anual, não sendo devida, portanto, a extensão do maior reajuste concedido pela Lei estadual 7.622/2000 aos soldos de toda a categoria dos policiais militares do Estado da Bahia, dispensada a devolução de valores eventualmente recebidos de boa-fé até a data de conclusão do presente julgamento no Plenário Virtual desta Corte”.

A manifestação do relator quanto ao reconhecimento da repercussão geral foi seguida por maioria, vencido o ministro Luiz Fux. No mérito, seu entendimento pela reafirmação da jurisprudência também foi seguido por maioria, vencidos neste ponto os ministros Marco Aurélio e Luiz Fux.

Esta segunda-feira (19) foi marcada por protestos contra a reforma da Previdência. A mobilização foi convocada por centrais sindicais. Em vários estados houve paralisação no transporte no início da manhã e algumas escolas ficaram sem aula. Em São Paulo, três cidades da Região Metropolitana amanheceram sem ônibus: Santo André, São Bernardo do Campo e Guarulhos. Também em Guarulhos, manifestantes bloquearam um trecho da Via Dutra.Os professores da rede municipal de São Paulo também aderiram à paralisação e algumas escolas estão sem aula. Em Aracaju, 75 escolas da rede municipal não funcionaram, e 32 mil alunos ficaram sem aula.

A votação da reforma da Previdência na Câmara estava prevista para esta semana, mas com a intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro, o Congressso não pode votar nenhuma alteração na Constituição.Por se tratar de emenda à Constituição, o texto exige ao menos 308 votos (de um total de 513 deputados).

AD

Marcelo da Silva Lima. Foto: policiaeviola.jornalfolhadoestado.com.

O juiz Adriano Vieira de Almeida, titular da 4ª Vara Cível de Feira de Santana, cobrou o cumprimento integral da sentença que garante o pagamento de indenização, no valor de R$ 436 mil, aos pais do jovem Marcelo da Silva Lima – morto em 2006, enquanto participava do Oktober Fest, festa particular que era realizada na cidade. A decisão pôs fim a uma ação indenizatória, movida contra a empresa organizadora do evento, a K2 Promoções e Eventos Ltda.

Inicialmente, a organizadora do Oktober Fest foi condenada ao pagamento de R$ 545 mil, em uma ação indenizatória, mas teve o valor reformado pela 3ª Câmara Cível, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA). O acórdão foi publicado em 01 de agosto de 2017.

O valor de R$ 436 mil, que corresponde a 40 salários mínimos à época, deverá ser dividido entre os pais de Marcelo Lima, Antônio Rodrigues Lima Filho e Célia da Silva Lima. Cada um deles, conforme decisão do TJBA, deverá receber o valor de R$ 218 mil.


LEIA MAIS

Gracyanne Barbosa. Foto: Reprodução/Instagram.

Gracyanne Barbosa fez a “gata molhada” e posou para uma foto na qual aparece encharcada, e a água apenas destacou ainda mais suas curvas. No clique, a musa fitness também sensualiza e empina o bumbum. Na legenda, se justifica: “Todo mundo fica bem com uma boa luz… E ela vem de dentro. Mas é claro que o sol ajuda e muito”.

“É glúteo que fala né? Toda lacração ela”, comentou um seguidor, entre muitos elogios. Outros especularam se a musa estaria sem calcinha, já que a peça não está visível, apesar da transparência do look molhado.

Do site da revista Quem.

Pistas nos dois sentidos foram liberadas às 9h10. Foto: Juliana Almirante.

Um grupo de trabalhadores ligados a centrais sindicais bloqueou os dois sentidos da Avenida ACM, uma das mais importantes e movimentadas de Salvador, por quase duas horas na manhã desta segunda-feira (19), em protesto contra a reforma da previdência. A mobilização ocorreu no trecho do Shopping da Bahia. As pistas foram liberadas às 9h10.

O tráfego de veículos nos dois sentidos da avenida foi interrompido por volta das 7h30. O bloqueio causou uma série de transtornos no trânsito por toda a capital baiana. Para quem saía da região da Pituba no sentido Avenida Paralela, por exemplo, enfrentou um longo congestionamento desde a altura do Hospital Teresa de Lisieux. Dal, um pouco mais à frente, a Transalvador desviou o tráfego da Avenida ACM para a Pituba, na altura do Hiperposto. Isso para evitar que os condutores chegassem ao trecho do Shopping da Bahia, onde havia o bloqueio.

Leia mais no G1.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Torquato Jardim, descartou, nesse domingo (18), intervenção federal de qualquer natureza no Ceará. Segundo o ministro, a situação na segurança pública no estado não pode ser comparada à do Rio de Janeiro.

Jardim acompanhou, por volta das 22h, na Base Aérea de Brasília, o embarque da força-tarefa de policiais federais e da Força Nacional para Fortaleza, onde os agentes vão dar apoio às forças militares estaduais no combate ao crime organizado, com aval do governador, Camilo Santana, e do presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE).

O envio de reforço ao estado ocorre após o assassinato do traficante Rogério Jeremias de Simone, vulgo Gegê do Mangue, encontrado morto em uma área indígena localizada em Aquiraz, na região metropolitana de Fortaleza. O traficante, que estava foragido, é acusado de chefiar uma organização criminosa criada em São Paulo.


LEIA MAIS

Atleta deixou o campo sangrando após ser agredido. Foto: Arisson Marinho.

O clássico que não acabou no campo vai ganhar novos capítulos fora dele. Nesse domingo (18), logo após o fim da partida, o meia Vinícius, do Bahia, deixou o Barradão com destino a uma delegacia para registrar boletim de ocorrência após ser agredido por jogadores do Vitória. “Vou dar queixa. Estou bem, só com dor de cabeça. Não vou falar nada agora”, resume o jogador na saída do vestiário do Barradão.

No rosto de Vinícius foi possível ver as marcas da agressão: sangue inicialmente e um hematoma na testa. O jogador foi agredido com dois socos pelo zagueiro Kanu, um de Yago e outro de Denilson. A confusão iniciou aos 4 minutos do segundo tempo, após o meia tricolor marcar o gol de empate e comemorar dançando na frente da torcida do Leão.

O goleiro Fernando Miguel não gostou da atitude e foi tirar satisfação. A ação gerou uma confusão generalizada que terminou com a expulsão de três jogadores do Vitória e quatro do Bahia, inclusive Vinícius, que não revidou.


LEIA MAIS

Unit´