Durante encontro realizado na noite desta segunda-feira (13) com o candidato a governador do estado, José Ronaldo (DEM), e lideranças, o deputado estadual e candidato à reeleição, Carlos Geilson (PSDB), destacou as transformações que o demista vai fazer na Bahia.

“A violência assola o nosso estado. Feira de Santana voltará a ter um governador. Assim como João Durval transformou a Bahia num canteiro de obras, nosso candidato também o fará. José Ronaldo vai transformar nosso estado numa nova Bahia”, afirma Geilson no encontro realizado em uma casa de shows no município feirense.

Mônica Bahia (PSDB) é candidata a vice-governadora na chapa de José Ronaldo.

O candidato da oposição ao governo estadual destacou que tem levado sua mensagem pelo interior baiano. “Estou percorrendo a Bahia, levando a minha mensagem de fé. Tomem conta da minha vida em Feira de Santana. Quero servir aos baianos como sempre servi aos feirenses”, declara José Ronaldo.

A juíza de direito, V.Exa. Dra. Bianca Gomes da Silva, da 1ª Vara Criminal, rejeitou e mandou arquivar no último dia 08 de agosto a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado da Bahia contra o presidente da Câmara Municipal de Camaçari, Oziel Araújo, e mais 19 vereadores, acusados por crime de peculato. A decisão foi juntada aos autos nesta segunda-feira (13).

Segundo a denúncia, oferecida pelo promotor de Justiça Everardo Yunes, que também ajuizou ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra os vereadores e 18 servidores comissionados do Poder Legislativo Municipal, os acusados teriam desviado verbas públicas através do reajuste do salário de servidores. Na decisão, a magistrada declarou a falta de atribuição do Promotor da “7ª Promotoria de Justiça que não detinha atribuição criminal, à época, razão pela qual não poderia ter denunciado os acusados, em razão do princípio constitucional do promotor natural”.

Na mesma decisão, a Juíza alegou a falta de provas mínimas para o oferecimento da denúncia, na qual o MP alegou uma suposta prática de fraude por meio da demissão e recontratação de assessores parlamentares, com salários majorados, cujo aumento deveria ser repassado aos vereadores. Porém, segundo o posicionamento judicial, o Promotor não trouxe nenhuma evidência segura para comprovar seus argumentos.

Além disso, na peça acusatória não foi apresentada nenhuma declaração de testemunhas que tenham presenciado a entrega dos valores recebidos a mais pelos assessores aos respectivos vereadores. Não houve a confissão de nenhum vereador ou de assessor que viesse a evidenciar a alegada fraude, segundo justificativa da Juíza. O documento informou, também, que não houve a apresentação de qualquer outro material que comprovasse tal manobra.

Diante disso, considerando a ausência de atribuições do promotor, bem como a falta de comprovação mínima que sustentasse a denúncia, que não expôs perfeitamente qualquer comportamento criminoso dos denunciados, a Juíza rejeitou a denúncia ordenando seu arquivamento.

 

*Câmara Camaçari

Desfile da grife À La Garçonne, do estilista Alexandre Herchcovitch, no Masp. Foto: Danilo Verpa/FolhaPress

O que era para ser um dos desfiles mais importantes do ano para a moda brasileira virou caso de polícia e o estopim de uma discussão sussurrada havia tempo nos bastidores da indústria.

Fiscais do Sated (Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado de São Paulo) tentaram entrar no camarim da apresentação da grife À La Garçonne, no Masp, nesta segunda-feira (13), para cobrar de seus representantes, o empresário Fábio Souza e o estilista Alexandre Herchcovitch, explicações sobre a situação contratual dos modelos escalados.

Impedidos pela produção do evento e do Masp de entrarem nas dependências do museu, chamaram a polícia no final do desfile para averiguar os contratos dos modelos.

Até o meio-dia, duas policiais, uma advogada do Masp, o presidente do Sated e a advogada da entidade permaneciam no museu.

Após uma denúncia feita por agências de modelos paulistanas de que a marca havia contratado jovens do interior paulista sem registro profissional (DRT), com o intuito de burlar os valores cobrados na capital, o Sated contatou o Masp que, por sua vez, pediu para a entidade procurar a produção do evento.

Após enviar uma solicitação de checagem dos contratos para a produção e não receberem resposta, o sindicato resolveu ir ao evento cobrar documentos e explicações.

 


LEIA MAIS

Foto: Reprodução

Quem ainda não pagou tem até o dia 31 para efetuar o pagamento, sem o risco de levar multa ou mesmo ter o veículo apreendido, no caso para os veículos com placa terminando em 6 (seis). Para as placas terminadas em 7, 8, 9 e 0, o prazo final vai até 30 de novembro, variando conforme o período limite para cada placa (ver tabela abaixo).

O fato é que dos 1,95 milhão de veículos cadastrados pelo Detran (Departamento estadual de Trânsito) na Bahia, até a última sexta-feira apenas 448,751 tinham efetuado o pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores). O imposto é obrigatório e anual é vem junto com o licenciamento e o seguro DPVAT. Para quem não efetuar o pagamento no prazo, a multa é de R$ 293,74 e perda de sete pontos na carteira, podendo ter o veículo apreendido.

Isso porque, conforme a legislação de trânsito no Brasil, o atraso no IPVA, conforme jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF) , é multa considerada grave (cinco pontos na carteira) e passível de medidas administrativas, mas sem o pagamento em dias do IPVA o veículo não pode ser licenciado à cada ano e a multa por atraso no licenciamento, portanto, passa a ser considerada de natureza  gravíssima.

Ao contrário das demais infrações do Trânsito, o IPVA não é cobrado pelo Detran, mas sim pelas secretarias da Fazenda dos respectivos estados.  Conforme explicou a Secretaria da Fazenda na Bahia (Sefaz-BA),

Já foram regularizados com o imposto no Estado 448.751 veículos , de um total de 1,95 milhão. Contudo, o vencimento das placas 6, 7, 8, 9 e 0 ainda não foi só será concluído a partir de 31 de agosto e até  30 de novembro.  Quem não  estiver com o licenciamento em dia, poderá ter o veículo  apreendido pelo Detran, o que implicará em mais gastos e penalidades previstas no Código Brasileiro de Trânsito.

 


LEIA MAIS

Camila Quintela foi a vencedora do Miss Bariátrica 2017

Na noite do próximo dia 31 de agosto, a Miss Bariátrica 2018 será escolhida durante evento promovido pelo Núcleo de Tratamento e Cirurgia da Obesidade (NTCO). A sexta edição do concurso será realizada, às 20 horas, na Casa Salvatore, com a participação de 16 finalistas, que vão disputar os três primeiros lugares. O desfile das candidatas será realizado em duas etapas. Na primeira, o traje é livre e cada mulher poderá representar ela mesma no mundo, sua vida profissional, sua autoimagemNa segunda, elas vão desfilar em traje de gala. O evento tem caráter beneficente e os ingressos podem ser trocados por três quilos de alimentos não perecíveis até o dia 30 de agosto na sede do NTCO (Rua Agnelo de Brito, 187). Todos os alimentos arrecadados serão doados para instituições filantrópicas.

Com o tema “O seu sonho virou arte”, o Miss Bariátrica também vai dar origem a uma exposição fotográfica que deve acontecer em data a ser divulgada ainda em 2018. O concurso tem como proposta promover um estilo de vida saudável, desmitificar tabus sobre a cirurgia bariátrica e valorizar mulheres que descobriram uma nova vida após terem sido submetidas a uma cirurgia bariátrica para tratamento da obesidade mórbida e de doenças associadas ao excesso de peso. O júri vai escolher a mais bela candidata.

“Todas as candidatas já podem ser consideradas vencedoras, pois superar a obesidade exige muita disciplina, determinação e força de vontade. Apenas a cirurgia não faz milagres se o paciente não mudar seus hábitos”, afirma cirurgião bariátrico Erivaldo Alves, diretor do NTCO e membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM). “Além da saúde física e emocional, essas mulheres resgataram sua autoestima, confiança e qualidade de vida”, explica o médico.

Quase 20% da população de Salvador está obesa

De acordo com a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), de 2017, do Ministério da Saúde, quase 1 em cada 5 brasileiros está obeso, ou seja 18,9%,  e mais da metade da população das capitais brasileiras (54,0%) está com excesso de peso. O levantamento revela ainda que 19,05% dos habitantes de Salvador (BA) estão obesos e que 53% possuem excesso de peso (sobrepeso). 

Entre as doenças e complicações associadas à obesidade, estão hipertensão arterial, doenças cardiovasculares, artropatias (doenças das articulações), diabetes mellitus tipo 2, problemas de circulação, refluxo gastroesofágico, apneia so sono (parada respiratória involuntária durante o sono), colesterol alto, esteatose hepática (gordura no fígado), vários tipos de câncer, disfunções respiratórias, distúrbios hormonais, depressão e outros transtornos psicológicos.

 


LEIA MAIS

Show musical baseado nas obras do poeta Manoel de Barros

O Teatro SESC Casa do Comércio, recebe nesta terça-feira, 14, às 19h, o espetáculo “Crianceiras”, que chega pela primeira vez ao nordeste. Os ingressos variam entre R$ 70 (inteira) e R$ 35 (meia) e podem ser adquiridos pelo site Ingresso rápido ou na bilheteria do teatro.

O show musical baseado nas obras do poeta Manoel de Barros tem como objetivo aproximar as crianças da literatura, os educando a partir de elementos como teatro, cinema de animação, música, tecnologia e literatura.

Portal A Tarde

Dois entre dez brasileiros que sujaram o nome por meio de crediário nos últimos quatro  anos deixaram de pagar por procedimentos estéticos e compras de produtos de beleza.

Isso é o que revelou um levantamento da empresa de cobranças Multicrédito sobre a situação da inadimplência entre pessoas que fizeram compras com cheques ou carnês no período.

Manicure trabalha em salão na zonal sul de São Paulo – Rivaldo Gomes/Folhapress

Dentre os setores monitorados na base de clientes da Multicrédito, com mais de 200 mil dívidas analisadas, a área de serviços de saúde ligados a procedimentos estéticos está em segundo lugar no ranking de empresas que deixaram de receber.

No topo da lista dos segmentos que mais levaram calotes está o de máquinas e peças, com uma taxa de 25% de inadimplência.

No entanto, empresas que vendem serviços de estética e cosméticos são as que mais saem prejudicadas em relação à inadimplência.

Enquanto, a dívida média mensal de todos os outros setores não ultrapassa R$ 717, essa cifra avança para R$ 1.044 no ramo de saúde e beleza.

Para Dirlene Martins, vice-presidente administrativo financeiro da Multicrédito, diante da redução no orçamento familiar, a população escolhe deixar de pagar contas de setores que não são considerados prioritários.

“O mercado de beleza e estética cresceu nos últimos anos. Mas quando a situação financeira do consumidor aperta, ele vai pagar as compras básicas, como a comida, a água e o aluguel”, afirma Martins.

NEGOCIAÇÃO

Durante o mês de agosto, o consumidor inadimplente com crediário pode renegociar suas dívidas.

De hoje até o dia 31, a Multicrédito vai disponibilizar descontos de até 70% para quem está com o CPF restrito em mais de 2.000 empresas de diversos ramos de atividade.

Dirlene explica que mais de 40 atendentes estarão disponíveis para conversar com o consumidor e oferecer as propostas.

“No fim, tanto o cliente quanto a empresa saem ganhando”, diz.

Folha de São Paulo

Têm direito ao saque as pessoas que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988 Foto: Estadão

A partir desta terça-feira, 14, trabalhadores de todas as idades que tiverem direito a cotas dos fundos dos programas de  Integração Social (PIS) e de formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep)  poderão sacar seus recursos. O prazo ficará aberto até 28 de setembro e quem perder o prazo só será possível receber as quantias dos dois fundos em caso de aposentadoria  de outras situações específicas.

A ampliação do saque trabalhadores com menos de 60 anos foi anunciada pelo governo no último dia 13. A ação beneficiará cotistas  que trabalharam com carteira assinada entre 1971 e 1988. Antes da medida, o dinheiro só poderia ser sacado por maiores de 60 anos. O governo estima que os trabalhadores nessa faixa etária têm cerca de R$ 16 bilhões nas contas do PIS/Pasep.

Em julho, o pagamento foi suspenso para o cálculo do rendimento do exercício 2017-2018. Na primeira etapa do cronograma, encerrada no dia 29 de junho, 1,1 milhão de trabalhadores fizeram o saque, retirando uma soma de R$ 1,5 bilhão.

Têm direito ao saque as pessoas que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988. As cotas são os recursos anuais depositados nas contas de trabalhadores criadas entre 1971, ano da criação do PIS/Pasep, e 1988.

Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito ao saque. Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Para saber o saldo e se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites do PIS e do Pasep. Desde o dia 8 de agosto, o crédito para correntistas da Caixa e do Banco do Brasil está sendo feito automaticamente. Para os cotistas do PIS, também é possível consultar a Caixa Econômica Federal no telefone 0800-726-0207 ou nos caixas eletrônicos da instituição, desde que o interessado tenha o Cartão Cidadão. No caso do Pasep, a consulta é feita ao Banco do Brasil, nos telefones 4004-0001 ou 0800-729-0001.

Estadão

 

Foto: Reprodução

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, exaltou a participação popular e elogiou a Lei da Ficha Limpa, que disse ser umas das melhores normas legais sobre o assunto em todo mundo.

“A Lei da Ficha Limpa é de iniciativa popular, foi o conjunto de cidadãos que levou ao Congresso Nacional aquilo que lhe parecia próprio, uma lei considerada pela ONU [Organização das Nações Unidas] uma das melhores leis que existem, uma das três melhores do mundo”, ressaltou.

A declaração foi dada na abertura de um seminário sobre os desafios da democracia e das eleições, em uma universidade particular de Brasília, do qual também participaram o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, e o ministro Tarcísio Vieira, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Governos legítimos

Em sua fala, Cármen Lúcia fez também uma defesa de governos que foram escolhidos em eleições diretas, mas que têm ou tiveram sua legitimidade contestada recentemente pela sociedade.

“Eu escuto agora falar que, no plano nacional e no plano estadual, o governo tal não tem legitimidade. Tem sim. Se foi eleito segundo as normas constitucionais e eleitorais, a pessoa que foi levada por nós, cidadãos, nós, eleitores, com a responsabilidade que temos com nosso país, é claro que nós temos uma legitimidade”, disse.

Agência Brasil

O SBT até tentou negociar com Evaristo Costa, mas o que pesou mesmo foi o fato dele seguir morando no exterior com a família (Foto: Reprodução/Instagram.)

Evaristo Costa, que deixou a Globo há um ano de uma forma que pegou muita gente de surpresa, ficou muito próximo de ser o mais novo contratado do SBT para comandar um programa por lá recentemente, pelo menos é o que informa o jornalista Flávio Ricco.

Diferentemente do que foi cogitado recentemente, Evaristo Costa, que atualmente mora na Inglaterra com a família, não foi convidado para comandar a volta do programa Topa ou Não Topa, mas sim para ser o apresentador do Bake Off Brasil, que estreou neste último sábado (11) sob o comando de Nadja Haddad no SBT.

O SBT até tentou negociar com Evaristo Costa, mas o que pesou mesmo foi o fato dele seguir morando no exterior com a família, além de estar envolvido em outros trabalhos no momento e ter outras prioridades.Vale dizer que desde que saiu da Globo, Evaristo Costa não esconde a felicidade em viver uma nova vida com a família, por sinal, o passe do jornalista se tornou alvo de desejo das emissoras de TV, que já conseguem ver um espaço para ele no entretenimento.

O Bake Off Brasil estreou na noite do último sábado (11) a nova temporada amanhã no SBT atingindo grandes índices de audiência para a emissora na Grande São Paulo, de acordo com os dados prévios do Ibope. O programa, agora com time novo, precisa manter os bons índices de audiência das temporadas anteriores. Para se ter ideia, a última, entre agosto e dezembro do ano passado, marcou 8,2 pontos de média e alcance de mais de nove milhões de pessoas.

Unit´