Família pesa e Escudero se aproxima de acerto com o Vitória

Escudero com a esposa e o filho mais novo. Foto: Marco Aurélio Martins.

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Escudero com a esposa e o filho mais novo. Foto: Marco Aurélio Martins.
Escudero com a esposa e o filho mais novo. Foto: Marco Aurélio Martins.

A aguardada renovação do contrato de Escudero com o Leão deve, enfim, ser concretizada nos próximos dias. O contrato do meia argentino, de 28 anos, termina no fim deste mês. Além da diferença entre o valor pedido e a contraproposta ofertada, uma dívida de R$ 500 mil que o Rubro-Negro tem com o atleta desde 2013 vinha travando as negociações.

No entanto, a preferência do jogador é permanecer no Vitória. Não só pela identificação com o clube, que defende há três anos, como pelo fato de a esposa e principalmente os dois filhos estarem bem adaptados à Bahia. Borja, 5 anos, e Bastián, 3, estão sendo criados em Salvador.

O A TARDE apurou que reuniões nos últimos dias entre a diretoria do Leão e representantes de Escudero se aproximaram do meio termo entre a pedida e a oferta, além de estarem equacionando a maneira como a dívida vai ser paga. A tendência é que o salário atual, de R$ 250 mil, seja mantido, mas o meia argentino, que pretendia um aumento, receberia adicionais por produtividade. Nesta terça-feira (15), o presidente do Rubro-Negro, Raimundo Viana, declarou: “a negociação não vem evoluindo na velocidade desejada, mas está avançando. Espero que seja concluída logo”.

O Vitória contratou o atleta em janeiro de 2013. Caso confirme a renovação, vai se tornar o clube que o jogador defendeu por mais tempo na carreira, superando o Vélez Sarsfield, onde foi revelado e jogou profissionalmente de julho de 2005 a julho de 2008.

Além de Escudero, o Leão negocia a renovação dos laterais Diogo Mateus e Diego Renan, do meia Pedro Ken e dos atacantes Rhayner e Élton. Os três últimos estão mais perto do acerto por terem o Rubro-Negro como prioridade. Já os defensores também estudam propostas de outros clubes.

A diretoria confirma que está concentrada nas renovações. Por isso, contratações estão em ‘compasso de espera’. Assim, o volante Wendel, embora tenha sido procurado pelo Vitória, deve renovar com o Sport, clube pelo qual disputou a Série A de 2015.

Reunião do Conselho

Raimundo Viana convocou nesta terça uma reunião do Conselho Deliberativo do Leão para 28 de dezembro a fim de discutir o orçamento do time para 2016 e, pelo edital, “o que ocorrer”. O encontro também deverá agendar datas para se debater o estatuto do Rubro-Negro. Na segunda-feira, uma ação judicial cancelou a assembleia dos sócios que votaria o novo regimento do clube, pois, pelo atual estatuto, o projeto deveria ser primeiramente formulado pelo Conselho.

Com informações do site do jornal A Tarde.