Feira: supermercados serão obrigados a servir melhor aos deficientes visuais

9

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou projeto que obriga a adequação da organização dos hipermercados e supermercados aos deficientes visuais. De autoria do vereador Pablo Roberto, a matéria foi aprovada por unanimidade.

Organização em braile de nomes, preços, promoções e qualquer outra informação imprescindível para a realização do ato da compra de produtos; o rebaixamento de calçadas do estabelecimento com rampa acessível ou elevação da via para a travessia de pedestre em nível e instalação do piso tátil direcional e de alerta ao longo de seu recinto para locomoção mais satisfatória dos deficientes visuais são algumas das obrigatoriedades.

A Prefeitura Municipal terá o prazo de 30 dias para a regulamentação desta lei. Já os estabelecimentos comerciais contarão com prazo de 180 dias para adequarem sua organização e estrutura.