Modelo amputa perna por uso de absorvente

Uma infecção que evoluiu para gangrena resultou na necessidade de amputar a perna. Foto: Reprodução/Correio
Uma infecção que evoluiu para gangrena resultou na necessidade de amputar a perna. Foto: Reprodução/Correio

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

A modelo Lauren Wasser, 27 anos, perdeu sua perna após contrair a Síndrome do Choque Tóxico (SCT), uma complicação de infecções bacterianas, geralmente envolvendo bactérias estafilococos. A infecção em Lauren transformou-se em gangrena, resultando na necessidade de amputar metade de sua perna direita há três anos.

Lauren, que tem um processo judicial contra a empresa fabricante dos absorventes internos Kotex, usava o produto sem trocá-lo no tempo recomendável (entre quatro e oito horas), contraindo, assim, a infecção. A modelo alega que essas informações não estavam claras na embalagem do produto.

Uma infecção que evoluiu para gangrena resultou na necessidade de amputar a perna. Foto: Reprodução/Correio
Uma infecção que evoluiu para gangrena resultou na necessidade de amputar a perna. Foto: Reprodução/Correio