Morte de criança faz Eunápolis decretar luto oficial

(Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Neto Guerrieri (PRTB), prefeito de Eunápolis -Região Sul da Bahia – , decretou ontem (10) luto oficial pela morte de Pedro Gomes de Oliveira, o Pedrinho, de 1 ano e meio, que foi sepultado na tarde de ontem (10) em Eunápolis. Portador da síndrome do intestino curto, o garoto estava internado no Centro de Tratamento Intensivo Pediátrico, no Hospital Felício Rocha, em Belo Horizonte (MG). Ele precisava fazer um transplante nos EUA, de alto custo, entretanto morreu por conta de infecção generalizada e complicações decorrentes.

(Foto: Reprodução/Facebook)
Portador da síndrome do intestino curto, o garoto precisava fazer um transplante nos EUA (Foto: Reprodução/Facebook)

O velório do menino Pedrinho aconteceu na Igreja Adventista do bairro do Pequi, na Rua Pau Brasil, e foi aberto ao público. O enterro  aconteceu no Cemitério da Consolação. De acordo com o prefeito, as homenagens do município de Eunápolis fazem jus “não somente pela força do menino Pedrinho, que resistiu mais de um ano bravamente, aguardando um transplante de intestino que, por ser realizado apenas nos EUA, custava cerca de US$ 1 milhão de dólares, mas também pelo seu importantíssimo papel na mobilização de toda a cidade de Eunápolis em prol de um bem comum, salvar a vida de uma inocente e guerreira criança”.

As bandeiras da cidade de Eunápolis permanecerão a meio mastro nos dois dias de Luto Oficial.