PMs presos por suspeita de estuprar jovem grávida

De acordo com a polícia, investigações apontam que ele atuava em hotéis da capital baiana e que já fez mais de 50 vítimas. (Foto: Reprodução / Google)
De acordo com a polícia, investigações apontam que ele atuava em hotéis da capital baiana e que já fez mais de 50 vítimas. (Foto: Reprodução / Google)

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Dois policiais militares foram presos, na noite de ontem (11), em São Sebastião do Passé – Região Metropolitana de Salvador – após terem sido flagrados por PMs forçando uma jovem, menor de 18 anos, e que está grávida, a praticar relações sexuais com eles. Segundo informações prestadas neste domingo (12), por meio de comunicado oficial da Polícia Militar, a jovem estava com o marido em uma motocicleta conduzida por ele, que tinha ido buscar a mulher no trabalho. Por volta das 23h30 do sábado, no km-06 da BR 110, o casal foi abordado pelos dois PMs armados, que estavam em um carro com placa policial (“placa fria”).

De acordo com a Polícia Militar, a dupla levou a jovem grávida junto com eles e chave da moto, deixando o homem sozinho em local deserto. Depois, o rapaz foi localizado por uma viatura da 10ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), de Candeias – também na Região Metropolitana de Salvador -, que deu socorro a ele, iniciando uma busca pelos suspeitos a partir das informações prestadas pela vítima. Segundo a PM, a mulher foi localizada em um local distante conhecido como “Banco de Areia” junto com os dois policiais militares, armados, que estavam forçando que a vítima praticasse “atos libidinosos” com ela. Conforme o comando da polícia, os dois se identificaram como policiais militares e foram presos em flagrante.

Conforme o comunicado da Polícia Militar, os dois presos são soldados da 17ª CIPM, que foi chegou a ser desligado do curso de formação em 2008, em Paulo Afonso, retornando à corporação por via judicial, e um policial reformado. Eles já foram encaminhados à Corregedoria da PM para serem ouvidos e também ao Departamento de Polícia Técnica para realização de exame pericial.