Prefeitura de Salvador vai demolir três “cascas” de imóveis na Ladeira da Preguiça

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Uma vistoria realizada na manhã desta segunda-feira (18) pela Defesa Civil na Ladeira da Preguiça identificou a necessidade de demolição de alguns imóveis na região, onde houve desabamento de alguns casarões com as fortes chuvas dos últimos dias, provocando uma vítima fatal e um ferido.

Foram encontradas apenas “cascas” dos casarões, nome dado às estruturas externas quando as paredes internas já não existem mais. As laterais de um dos casarões acabaram tombando, atingindo outros dois imóveis. No total, foram evacuados quatro imóveis para que todos os residentes deixem imediatamente as estruturas.

As três cascas dos casarões envolvidas no acidente serão demolidas, uma a uma, para que sejam avaliados paulatinamente os impactos.

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) – responsável pela área -, Corpo de Bombeiros e Coelba acompanharão a demolição, que será realizada pela Secretaria Municipal de Urbanismo (Sucom) nesta tarde.

A vistoria de outros casarões na região segue em andamento. A Guarda Municipal auxilia o trabalho da Defesa Civil no isolamento da área. Durante o choque de ordem promovido ainda em 2013 pela Prefeitura no local, diversos proprietários foram notificados para que realizassem manutenção nos imóveis.