Professores da Uefs participam de evento da Interpol

Delegação Brasileira: Carlos Eduardo Palhares, Jeidson Marques, Jamilly Musse e Ricardo Henrique Alves. Foto: Divulgação
Delegação Brasileira: Carlos Eduardo Palhares, Jeidson Marques, Jamilly Musse e Ricardo Henrique Alves. Foto: Divulgação

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email
Delegação Brasileira: Carlos Eduardo Palhares, Jeidson Marques, Jamilly Musse e Ricardo Henrique Alves. Foto: Divulgação
Delegação Brasileira: Carlos Eduardo Palhares, Jeidson Marques, Jamilly Musse e Ricardo Henrique Alves. Foto: Divulgação

Os professores doutores Jeidson Antonio Morais Marques e Jamilly de Oliveira Musse, do Departamento de Saúde da Universidade Estadual de Feir de Santana (Uefs), integraram a delegação brasileira na 26th Meeting of the Interpol Standing Committee on Disaster Victim Identification (Reunião do Comitê Permanente da Interpol sobre Identificação de Vítimas de Desastres). O evento foi realizado na sede da Interpol, entre os dias 4 e 7 de maio, em Lyon, França.

Além da participação como representante brasileiro no Grupo de Trabalho em Odontologia Forense da Interpol, Jeidson Marques apresentou os resultados da atividade realizada na Uefs durante o Curso Preparatório para Atendimento e Identificação de Vítimas de Desastres, realizado em outubro de 2014, com simulação de desastre aéreo.

O professor Jeidson Marques salienta que a Interpol é a maior organização Policial do Mundo, com 190 países membros. Tem como principal objetivo a integração entre as policias dos diversos países, combatendo o crime, bem como atuando em casos de desastres.

A delegação que representou a Polícia Federal e o Brasil também foi composta por Carlos Eduardo Palhares, perito da Polícia Federal e Ricardo Henrique Silva, professor doutor da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp/USP).

*Com informações da Ascom Uefs