Servidores públicos fazem protesto em frente à prefeitura

whatsapp-image-2021-06-15-at-13.06.33

COMPARTILHE:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Servidores públicos de diversas categorias se reuniram nesta terça-feira (15), em frente à sede da prefeitura de Feira de Santana, cidade cerca de 100 km distante de Salvador, reclamando de corte no salário e em gratificações. O grupo também pediu melhora nas condições de trabalho.

Além de alterações nos valores recebidos, os trabalhadores disseram que não há diálogo com a gestão municipal e, por diversas vezes, tentaram agendar uma reunião com a prefeitura, mas sem retorno.

Nesta terça-feira, o grupo esteve mais uma vez em frente à sede da administração e, segundo os trabalhadores, ninguém foi atendido. A representante do Sindicato dos Professores de Feira de Santana (APLB), Mairan Reis, disse que direitos dos trabalhadores também têm sido retirados.

“Como são várias entidades, cada uma com suas reivindicações. A geral é que a prefeitura tem retirado gratificações e direitos dos servidores municipais. E o prefeito não atende a nenhuma categoria”, disse.
Ainda segundo o grupo, com a recusa da tentativa de reunião com a prefeitura, os servidores foram até a Câmara Municipal. Lá, os trabalhadores utilizaram o espaço para externar a insatisfação e apresentar as reivindicações.

“Os servidores vieram até a prefeitura e solicitaram novamente audiência com o prefeito. E novamente não foram atendidos. De lá, foram até a Câmara e tiveram espaço para que falassem na tribuna livre. A própria Câmara tem falado sobre a falta de diálogo da prefeitura com eles mesmos, com a categoria e com outros setores da sociedade”, disse.